Reprodução/Dream
Cro Cop x Overeem
Cro Cop encarou Overeem no Dream

Parece que o fã clube de Alistair Overeem está cada vez mais escasso. Após ver boa parte do público vibrar com sua derrota por nocaute para Pezão, no UFC 156, realizado no útlimo sábado, o polêmico lutador holandês viu Mirko Cro Cop, uma das lendas do MMA, comemorar a "lição" dada pelo brasileiro através de sua página oficial no Facebook.

“Ele está se comportando com tanta arrogância ultimamente que estou feliz por Silva o colocar de volta em seu lugar, e lhe ensinou uma lição! Parabéns,  Silva, de coração”, publicou Cro Cop.

A lenda do MMA ainda aproveitou para comentar o físico descomunal que Overeem ganhou desde que se enfrentaram em setembro de 2008 (à época vencido por Mirko, após golpes irregulares de Alistair), no Dream, torneio de Artes Marciais mistas disputado no Japão. “Silva é um peso pesado natural. Alistair pela primeira lutou sem as drogas que ele tinha usado constantemente por anos, incluindo a testosterona”, afirmou.

Confira o conteúdo publicado por Cro Cop em sua página oficial: 

“Eu não estou surpreso com a vitória de Silva, acreditava que ele iria vencer. Não quero sair como um espertinho ou dizer que eu sabia o tempo todo, então eu vou explicar porque eu acreditei assim. Primeiro, Silva é um cara grande e forte com um coração enorme, que havia demolido Fedor, e ele não precisa de melhor referência do que isso. Alistair o subestimou com suas declarações arrogantes, por isso Silva se mobilizou da melhor maneira possível. Segundo, Silva é um peso pesado natural, e Alistair – pela primeira vez desde 2007, quando ele começou a ganhar peso enorme – lutou sem as drogas que ele tinha usado constantemente por anos, incluindo a testosterona e toda merda mais.

Assistindo a pesagem, eu vi que a sua massa muscular não estava nem perto do costume, ele tinha o peso, mas ele não era tão esculpido e definido, já que ele não poderia levar nada, porque ele foi assistido pela Comissão Atlética. Isso também reflete sobre a psique de um homem que foi usar o material para aumentar sua força, resistência, tolerância à dor e agressividade por anos, e agora não havia nada disso. Alistair é um excelente lutador, mas ele ainda deve que a excelência para algo que é sujo e ilícita, e, no final, muito perigoso à saúde.

Eu não acho que ele estava preocupado com isso, ele queria o sucesso a qualquer custo. E a terceira coisa é, Alistair tinha se comportado tão arrogantemente que alguém precisava colocá-lo de volta em seu lugar. Sua depreciação de Silva era repulsivo, dizendo que, depois de espancar Silva, ele iria para o cinturão, e na pesagem e entrar na arena, ele agiu como se fosse o inventor do esporte de luta. Ele está se comportando com tanta arrogância ultimamente que estou feliz por Silva o colocar de volta em seu lugar, e lhe ensinou uma lição! Parabéns Silva, de coração”.