Um homem de 26 anos foi preso durante um patrulhamento de rotina no final da manhã desta quinta-feira (28) no Centro de Belo Horizonte. Segundo a Polícia Militar (PM), Rafael Thomaz da Silva Rocha seria integrante de uma gangue em Lagoa Santa, na Região Metropolitana de BH, e tinha quatro mandados de prisão em aberto por homicídio, lesão corporal, porte ilegal de arma e associação ao tráfico de drogas.
 
Ainda conforme a PM, Rafael estava em um grupo com outros cinco ou seis homens na esquina das ruas Gaicurus com Curitiba. Ao avistarem a viatura policial, o grupo tentou se dispersar em atitute suspeita. Durante a abordagem, Rafael teria dado o nome falso de Túlio Douglas da Silva Rocha, mas caiu em contradição e acabou revelando sua identidade verdadeira.
 
Ao constatarem o prontuário de Rafael, os militares constataram que ele tinha mandado de prisão em aberto. Além disso, segundo a PM, o suspeito participava de uma gangue do tráfico de drogas em Lagoa Santa há alguns anos e teria se enfrentado com uma gangue rival por disputa de território. Depois do incidente, Rafale fugiu para Belo Horizonte.
 
O suspeito foi detido e encaminhado à 4ª Delegacia de Polícia Civil do Centro e deve ser levado para o Centro de Remanejamento do Sistema Prisional (Ceresp) São Cristóvão. Os demais suspeitos tinham passagem pela polícia por uso de drogas e com eles a polícia não encontrou nenhum material suspeito.