Polícia Civil/Divulgação
João Batista Moreira Júnior
João Batista Moreira Júnior negou envolvimento nos crimes

O moto entregador João Batista Moreira Júnior, de 31 anos, foi preso pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), por meio de um mandado de prisão, na quarta-feira (2), em um restaurante de Petrópolis, no Rio de Janeiro. Segundo a Polícia Civil, ele é acusado de comandar o tráfico de drogas em Juiz de Fora. Além disso, o homem teria tentado matar algumas pessoas na cidade da Zona da Mata Mineira.
 
Conforme o delegado Rogério Couto, um dos crimes ocorreu em maio e outro neste mês, ambos no bairro Vila Ideal. “Temos indícios de que o preso é suspeito de ser um dos principais traficantes de Juiz de Fora e que ele estava foragido desde uma operação da Homicídios para prendê-lo em meados deste ano”.
 
O homem foi apresentado à imprensa nesta quinta-feira (3) e negou envolvimento com o tráfico de drogas e nas tentativas de homicídio. Ele segue preso no Centro de Remanejamento Prisional (Ceresp) da cidade à disposição da Justiça.