Nardus Engelbrecht/AFP
Porta-voz nega estado vegetativo de Nelson Mandela
Mac Maharaj desmente as ifnormações distribuídas pela agência AFP

O ex-presidente da África do Sul, Nelson Mandela, continua em "estado crítico, mas estável" após quase um mês de internação num hospital em Pretória, mas não encontra-se em estado vegetativo, desmentiu nesta quinta-feira (4) o porta-voz do presidente Jacob Zuma. "Claramente não existe um estado vegetativo", disse o porta-voz Mac Maharaj.

A declaração desmente informação distribuída pela agência AFP de que documentos judiciais com data de 26 de junho afirmavam que Mandela estaria em estado vegetativo e que os médicos recomendavam que os equipamentos que mantinham o Nobel da Paz vivo fossem desligados.

"Não há nada desse tipo, isso não aconteceu", disse Maharaj quando questionado sobre médicos terem recomendado que as máquinas fossem desligadas. Maharaj, entretanto, apressou-se a acrescentar que não poderia confirmar se Mandela está sendo mantido vivo por meio de equipamentos, citando regras de confidencialidade entre médico e paciente.

O presidente Jacob Zuma visitou Mandela nesta quinta, mais cedo, no hospital de Pretória, onde o ex-presidente está internado desde 8 de junho. Após a visita, Zuma afirmou que não houve qualquer mudança na condição "séria, mas estável" de Mandela.

Durante evento do qual participou nesta quinta, em Johanesburgo, a esposa de Mandela, Graça Machel, disse que o ex-presidente está desconfortável, mas raramente sente dor nesse período em que está hospitalizado.

Fonte: Dow Jones Newswires.