ANDY WONG/ASSOCIATED PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
Acidente avião da Malaysia Airlines
Familiares choram em hotel para onde foram levados os amigos e parentes dos passageiros do voo

Uma aeronave de busca localizou neste domingo (9), nas águas do sul do Vietnã, fragmentos que supostamente seriam do voo MH370 da Malaysia Airlines, que desapareceu um dia antes com mais de 200 pessoas a bordo.

Os destroços seriam um componente da porta interior e um pedaço da cauda, informou o Ministério de Informação e Comunicação do Vietnã em seu site. Conforme o comunicado, a aeronave não conseguiu pousar perto dos objetos para investigá-los melhor devido à falta de iluminação, mas seguirá com o processo de identificação na manhã desta segunda-feira (10).

Os fragmentos foram encontrados flutuando cerca de 80 quilômetros ao sul da ilha de Tho Chu. O voo MH370, que sumiu do radar nas primeiras horas do sábado (8). Desde então, navios e aviões de resgate vinham vasculhando as águas, sem sucesso. Mais cedo, o Vietnã disse que uma aeronave cingapuriana encontrou um objeto amarelo flutuando no sul de Tho Chu e despachou navios ao local. O governo de Cingapura se recusou a comentar. Fonte: Dow Jones Newswires.