A camisa é o mais novo uniforme feminino do verão 2013. A peça, um clássico do guarda-roupa, migrou sem escalas do inverno para a temporada, recriando looks versáteis para atender os mais diversos gostos e estilos.
“A camisa é um curinga de verão. A modelagem soltinha da peça criada em tecido molinho, como cetim de seda, veste mulheres magrinhas e cheinhas”, destaca Denise Morais, consultora do Senac Moda Informação.

Para a estilista da Eva, Priscila Barcelos, o sucesso das camisas no verão é atribuído à sua facilidade de uso. A aposta em tecidos planos e tecnológicos, não só deixou a mulher confortável e à vontade, como redesenhou a silhueta.


“A camisa da temporada atende a todos os biotipos e apresenta muitas possibilidades de uso. Dobre as mangas, amarre-a na cintura ou acrescente um maxicolar que a peça ganha uma nova cara”, acrescenta a estilista da DTA, Bárbara Luiza Oliveira. Não à toa, a marca apostou sobremaneira na fibra de poliéster com caimento bem sedoso para compor sua linha de camisaria. Além disso, a DTA mais uma vez investiu tem tecidos refrescantes como a tricoline de elastano e a cambraia (algodão bem levinho).


Originalmente herdada do guarda-roupa masculino, a nova camisa da estação deixa pra trás toda a seriedade que seu DNA possa provocar.
Nas peças da marca Dress To, a bola da vez é o shape desestruturado, camisas com bainhas assimétricas (no melhor estilo mullet) com ou sem manga. Bordados, aplicações de termocolantes, além de estamparia diversificada, reacendem o desejo de usar peças da marca. Já na Eva, grife feminina do grupo Reserva, a receita antimonotonia inclui estamparia efusiva de bichos, listras e caveira em linho, seda e algodão. “A mulher entendeu a camisa como um item fácil e funcional para compor looks”, concluiu Priscila Barcelos.

 

 

Clima lúdico


O clima lúdico pede passagem com a cartela de cores em nuances de flúor pontuando a mais básica das camisas. Em outra vertente, a romântica, são as tonalidades açucaradas, apelidadas de candy, que marcam presença.

Denise Morais, consultora do Senac Moda Informação aponta recursos únicos que fazem a diferença na camisa desse verão. Entre eles, bolsos frontais em modelitos que se tornaram suprassumo.

“Cavas, plissados, fendas no ombro, assimetrias, além de spikes, strass, pérolas ou cristais na gola deixaram as camisas mais sofisticadas”.

 

Pitadas de estilo

 


Tereza Carvalho, coordenadora de estilo da Dress To, aponta o hi-lo, espécie de guia de estilo que mistura peças nobres a outras despojadas, com o responsável pelo retorno triunfal das camisas.

 

O melhor jeito de usar as camisas do verão, segundo ela, é combiná-las com saias bordadas ou pantalonas, se a intenção é ficar linda em situações formais.


A estilista da DTA, Bárbara Oliveira, sugere o uso de camisa sob vestido justo e curtinho ou com calça flare, para looks mais sofisticados.
Com shorts jeans de cintura alta ou calças estampadas, as camisas se transformam em produções superdescoladas!


Priscila Barcelos, estilista da Eva, é fã da dupla jeans e camisa. “O look pode ser apimentado com acessórios”. Invista em maxicolares.
Roupa justa e curta pode resvalar em vulgaridade. A dica de Denise Morais, é combinar saia bandage (justa e curta), com camisa mais soltinha.

 

Leia mais na edição digital: