Propostas inusitadas da BMW geralmente estão atreladas às campanhas de “1º de Abril”, mas dessa vez parece que a proposta da britânica Mini, que pertence ao fabricante alemão, não tem nada de piada, e acaba de apresentar o conceito Paceman Adventure Concept. Trata-se de uma adaptação do utilitário-esportivo (SVU) de duas portas, convertido para um picape.

O estudo foi desenvolvido por estagiários de engenharia, sob a supervisão de profissionais das unidades de Munique e Dingolfing, na Alemanha. O que os “meninos” fizeram foi cortar a carroceria e transformar a parte da seção posterior à porta numa caçamba.

Para dar um visual e capacidades aventureiras, a equipe elevou a suspensão, aplicou pneus de uso fora-de-estrada, rack de teto, onde se acomoda o pneu reserva, e grandes faróis auxiliares.

E para mostrar que não se trata de uma gambiarra, a tampa do porta-malas foi substituída por uma peça articulada, como num utilitário convencional, com dobradiças no assoalho. Nos pontos da carroceria, onde foram feitos os cortes, a equipe utilizou apliques de borracha, para não evidenciar as cicatrizes do esmeril.

Parece mas não é!

Visto de frente, o Paceman Adventure se diferencia pelos pneus anabolizados, pelos vários faróis auxiliares e molduras nos para-lamas. Já visto de traseira, as lanternas horizontais, que tiveram apenas o contorno cromado removido, chegam a remeter o nosso conhecido Fiat Strada Adventure.

Mas as semelhanças param por aí. A caminhonete alemã mantém sob o capô o motor turbo 1.6 litro de 184 cv, além de tração integral All 4. Trata-se do mesmo conjunto mecânico da versão convencional do Mini Paceman.

Sobre o futuro do conceito, a Mini prefere desconversar e diz que se trata apenas de um estudo. No entanto, depois de tantas variações de carroceria na gama, o picape é um dos últimos recursos de expansão para o fabricante inglês e, portanto, seu lançamento é bem provável. Seria divertido!