A família Gol é onde a Volkswagen tradicionalmente apresenta as novidades para o mercado brasileiro. A linha 2015, apresentada na última semana, chega com um novo motor 1.6 litro, agora chamado de MSI, derivado do EA-211 de três cilindros e 1.0 litro que equipa o recém-lançado up! e o Fox Blue Motion. A nova unidade, que desenvolve até 120 cv de potência, equipará, num primeiro momento, apenas a Saveiro Cross e o Gol Rallye.

A unidade MSI de quatro válvulas por cilindro, da mesma linha EA-211 (ou seja, desenvolvido em alumínio, mais leve), entrega potência de 110 cv (gasolina) e 120 cv (álcool) e torque de 15,8/16,8 m.kgf (gasolina e álcool). Não há identificação externa referente à alteração.

Seus recursos técnicos passam por bloco de alumínio, duplo comando de válvulas, variação do tempo de abertura das válvulas de admissão, duplo circuito de arrefecimento (um para o bloco, outro para o cabeçote), coletor de escapamento integrado ao cabeçote e sistema de partida a frio por preaquecimento de álcool, o que dispensa o tanque suplementar de gasolina.
As demais versões permanecem com os motores de 1.0 e 1.6 litro de duas válvulas por cilindro da série EA-111; curiosamente, o 1.6 também recebe a designação MSI.

Novos pacotes

Gol e Voyage adotam a nomenclatura mundial do grupo para as versões, com Trendline para a de entrada (antes básica), Comfortline para a intermediária (que substitui o antigo pacote Trend) e Highline para a superior.

O Gol Trendline (disponível com três e cinco portas e motores 1.0 e 1.6) e o Voyage Trendline (também com os dois motores) passam a contar de série com direção assistida, três apoios de cabeça no banco traseiro, chave do tipo canivete e iluminação no porta-malas.

Para a Saveiro Cross, foram reservados novos itens de segurança ativa, como o controle eletrônico de estabilidade e tração (ESP) e freios com ABS com função off-road.