CARATINGA – Um candidato a vereador de Santa Rita de Minas, no Vale do Rio Doce, foi preso em flagrante, na tarde deste domingo (7), acusado de compra de votos. Segundo o delegado de Caratinga, Fernando Lima, testemunhas teriam visto Natan Cirino Alves (PPS) entregando cédulas de R$ 20 a eleitores. 

 
“Ele nega, mas estamos convencidos da irregularidade”, disse o delegado. Natan pagou fiança de R$ 1,5 mil e foi liberado, por volta do meio-dia. Outros dois moradores da cidade flagrados fazendo boca de urna foram conduzidos e liberados depois de assinarem Termos Circunstanciados de Ocorrências (TCOs). Em Caratinga a eleição foi tranquila, sem ocorrências de destaque.