Muitos afirmam que com um carrinho básico chega-se ao mesmo lugar que com um luxuoso topo de linha e que o único problema é demorar um pouquinho mais... Sim, é verdade, mais ou menos como acontece ao atravessar uma faixa escaldante de areia na praia ou um local cheio de pedregulhos descalço. Você consegue, mas com um tênis fofinho é muito melhor...

Quanto ao demorar um pouquinho mais, em caso de um grave acidente pode ser muito mais ou nunca mais. Sem sistemas que detectam situações que podem desencadear acidentes e, puxam o cinto para firmar seu corpo no assento, pré-configuram o freio para facilitar a possível utilização, aproximam o encosto de cabeça de sua nuca para minimizar lesões na coluna e fecham os vidros para que seus braços não sejam projetados para fora durante a colisão, entre outros, sua segurança jamais será a mesma...

O Mercedes-Benz Classe “E 250” tem tudo isso e muito mais. Mas as vantagens não param na segurança. Que tal uma suspensão super confortável, que se adapta automaticamente ao terreno e faz você se sentir flutuando acima do asfalto? E assentos com aquecimento e memória de posição que ajusta automaticamente até o retrovisor ao toque de um botão? Ou uma direção “esperta” que percebe as curvas mais fechadas e fica ainda mais leve? Some-se a tudo isso, faróis “full led” inteligentes que quando vem alguém em sentido contrário continuam iluminando normalmente, menos no exato local onde o outro está, alternador que prefere carregar a bateria nas frenagens para economia de combustível, aviso de pressão baixa nos pneus e, alerta de que você está cansado, entre muitas outras conveniências.

Mercedes-Benz E 250

O QUE É?
Sedã grande, 4 portas, cinco lugares.

ORIGEM?
Sindelfingen – Alemanha.

QUANTO CUSTA?
R$ 259.500.

CONCORRENTES
BMW 528 e Audi A 6.

COMO BEBE?
Consumo médio de gasolina, 6,2 km/l na cidade e 12 na estrada.

TRANSMISSÃO
Automática com 7 marchas e borboletas para trocas manuais no volante. Tração nas rodas traseiras.

DESEMPENHO
211 cv e torque de 36 kgf.m. Velocidade máxima de 243 km/h limitada eletronicamente, (pelo motor iria facilmente além disso), aceleração de 0 a 100 km/h em 7,4 segundos. A potencia “sobra” em uso familiar comportado, com muita força para ótimas retomadas e ultrapassagens muito seguras. O atraso na “entrada” da turbina somado ao tempo de redução da transmissão compromete a agilidade em baixas rotações no trânsito urbano.

POR DENTRO
A mais confortável suspensão da categoria e ainda assim excelente estabilidade, comportando-se como um veículo bem menor. O interior permite muito conforto para cinco adultos, com sobra de espaço para os joelhos e ombros de todos. Especiais elogios para a terceira zona do ar condicionado no banco traseiro, coisa rara até em veículos de luxo que tratam os “de trás” como cidadãos de segunda categoria. Porta-malas gigante com 540 l.

PONTOS POSITIVOS:
Conforto
Segurança
Estilo

PONTOS NEGATIVOS:
Comando de voz só reconhece o idioma inglês
“LEG” turbina