A Jaguar Land Rover apresentou nessa segunda (9), em Londres, a versão conversível do seu maior sucesso de vendas em todo o mundo: o Range Rover Evoque Convertible. Com forte apelo em seu design, a versão mais despojada do SUV chega bem equipada para enfrentar terrenos difíceis.

Desde seu lançamento, em 2010, o Range Rover Evoque se tornou uma febre no mercado de utilitários-esportivos (SUVs). Já teve, até o momento, cerca de 500 mil unidades comercializadas em todo o mundo.

O modelo conversível acompanha a primeira reestilização do Evoque convencional, apresentada em março, no Salão de Genebra, e que já pode ser vista nos concessionários brasileiros com preços a partir de R$ 209 mil.

Na Europa, o Evoque Convertible terá três opções de motorização 2.0 turbo: duas a diesel, com 150 e 180 cavalos de potência, e uma a gasolina, já usada atualmente, com 240 cavalos, que atinge velocidade máxima de 209 km/h.

Todas as versões são equipadas com tração nas quatro rodas e câmbio automático de nove velocidades. O porta-malas tem o mesmo tamanho da versão tradicional do Evoque, com 251 litros, seja com a capota aberta ou fechada.

Em caso de capotamento, um sistema automático leva apenas 90 milissegundos para levantar duas barras atrás da segunda fileira de bancos, para proteger os passageiros.

A previsão da Jaguar Land Rover é de que o Evoque Convertible vá chegar ao mercado brasileiro no final de 2016. A empresa também já havia comunicado que o Evoque convencional será fabricado na nova planta da Land Rover, que está sendo construída em Itatiaia, no Estado do Rio.