Maior feira de motocicletas da américa latina vai até segunda-feira em SP

Sérgio Melo*
10/10/2015 às 08:41.
Atualizado em 17/11/2021 às 02:00
 (Divulgação )

(Divulgação )

SÃO PAULO (SP) – O Salão Duas Rodas deste ano, que acontece do Parque de Exposições do Anhembi, na capital paulista, até segunda-feira, está sendo a prova de que nas crises é importante manter os investimentos. A indústria sabe que como nas competições, o piloto que tem medo e desacelera nos trechos mais difíceis, será ultrapassado antes que chegue a próxima reta. Embora a menor quantidade de expositores, todas as grandes marcas estavam lá, em enormes e luxuosos estandes cheios de novidades.

A Triumph apresentou duas novidades. A nova Tiger 800XCa, (topo da linha), chegará às lojas em novembro e, a 800XRx “low seat”, com altura reduzida para facilitar a vida dos baixinhos, em janeiro.

Harley Davidson apresentou os novos visuais da “Iron 883” e da “Forty-Eight”, a nova suspensão dianteira da família “Sportster”, o motor Twin Cam 103 que passa a equipar as “Soft Tail”, as novas facilidades dos modelos “CVO” e a incrível “Live Wire” 100% elétrica.

A Honda ressuscitou a Twister com 250 cm3 para ficar no lugar da CB 300R, confirmou a chegada da valente “Big Trail” CRF 1.000L Afrincan Twin para no ano que vem e apresentou o Scooter médio SH 300i que será fabricado em Manaus a partir de 2016.

A BMW apresentou a S 1.000XR, uma “crossover” recém lançada na Europa, com 160 CV e vocações Sport/Touring/Adventure. Mas o maior destaque foi o lançamento mundial do conceito Stunt 310, com produção prevista para 2016, desenvolvido com o tetracampeão europeu de “stunt riding”, (pilotagem acrobática).

Italianas

A Ducati, com quatro novas concessionárias prestes a serem abertas, anunciou a chegada até março das novas Multistrada 1.200 com novo visual e Panigale com motor 1299. Nos próximos dias estará nas lojas a Scrambler Icon, para ser a opção mais barata da marca por R$ 36.990,00. Quem quiser cortar o cabelo “A lá Scrambler” a Barbearia Cavalera está no estande à disposição.

A Dafra lançou a “Custom” Horizon 150, à venda na próxima semana e, estreitando sua parceria com SYM, a gigante Taiwanesa das duas rodas, apresentou uma Scooter “Retrô” “Fiddle III”, com a cara das antigas Lambretinhas. No estande ao lado, a competitiva KTM com seus recentes lançamentos Dukes, Super Duke e as “Fora de estrada”.

Mito

Mas a maior novidade de todo o Salão foi a chegada da marca “Indian”. Quase uma lenda, especializada em grandes “estradeiras” com desenho tradicional, trata-se da mais antiga fabricante de motos da América.

Montados em Manaus, os primeiros modelos a desembarcar serão a Scout, Chief Clessic e Chief Vintage. As 04 primeiras concessionárias estarão em funcionamento até o fim do ano, incluindo Belo Horizonte.

E não para por aí... A Traxx apresentou em primeira mão a Fly 125, a Yamaha lançou as novas Factor 150 e a MT-09 Racer, a Kawasaki expôs seu monstro “H2R” 1.000 com 316 CV, a Agusta levou sua linha completa, a Bull apresentou scooters elétricas, estandes de fornecedores de peças internacionais, simuladores, tests drive e curiosidades como o inteligente “Airwheel” de uma roda só que se equilibra eletronicamente.

*Especial para Auto Papo

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por