“Bacurau”, de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles, foi o considerado o melhor filmes nacional da temporada na 19ª edição do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro. A premiação, realizada neste domingo (11), teve de ser remota, por causa da pandemia de Covid-19. Concorrente em 15 categorias, o filme pernambucano ganhou seis estatuetas, incluindo Melhor Filme. 

Com uma história impressionante de uma cidade do sertão pernambucano que quase some do mapa, "Bacurau" conquistou o Prêmio do Júri no Festival de Cannes de 2019 e foi exibido em vários festivais internacionais. 

Confira a lista de vencedores:

Melhor Longa-Metragem Ficção: "Bacurau"

Melhor Longa-Metragem Documentário: "Estou Me Guardando Para Quando O Carnaval Chegar"

Melhor Longa-Metragem Comédia: "Cine Holliúdy – A Chibata Sideral "

Melhor Longa-Metragem Animação: "Tito e Os Pássaros"

Melhor Longa-Metragem Infantil: "Turma Da Mônica – Laços"

Melhor Longa-Metragem Voto Popular: "Eu Sou Mais Eu"

Melhor Direção: Kleber Mendonça Filho E Juliano Dornelles ("Bacurau")

Melhor Primeira Direção De Longa-Metragem: Leonardo Domingues ("Simonal")

Melhor Atriz: Andrea Beltrão ("Hebe – A Estrela Do Brasil")

Melhor Ator: Silvero Pereira ("Bacurau") e Fabrício Boliveira ("Simonal")

Melhor Atriz Coadjuvante: Fernanda Montenegro ("A Vida Invisível")

Melhor Ator Coadjuvante: Chico Diaz ("Cine Holliúdy – A Chibata Sideral")

Melhor Direção de Fotografia: Hélène Louvart ("A Vida Invisível")

Melhor Direção de Arte: Rodrigo Martirena ("A Vida Invisível")

Melhor Roteiro Original: Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles ("Bacurau")

Melhor Roteiro Adaptado: Murilo Hauser, Karim Aïnouz e Inés Bortagaray ("A Vida Invisível")

Melhor Figurino: Marina Franco ("A Vida Invisível")

Melhor Maquiagem: Simone Batata ("Hebe – A Estrela Do Brasil")

Melhor Efeito Visual: Mikaël Tanguy E Thierry Delobel ("Bacurau")

Melhor Montagem Ficção: Eduardo Serrano ("Bacurau")

Melhor Montagem Documentário: Karen Harley ("Estou Me Guardando Para Quando O Carnaval Chegar")

Melhor Trilha Sonora: Wilson Simoninha e Max De Castro ("Simonal")