"Estou à beira do precipício. Assista enquanto mergulho. Eu nunca vou tocar o chão. Caio através da água, onde eles não podem nos machucar”. O trecho da música “Shallow”, original do filme “Nasce uma estrela”, com Lady Gaga e Bradley Cooper, reflete a profundidade das reflexões que provoca o longa indicado a cinco categorias no Globo de Ouro 2019.

O filme, que já arrecadou mais de 360 milhões de dólares desde a estreia, em outubro, é um dos que irá disputar o prêmio de melhor drama realizado neste ano, ao lado do também musical “Bohemian Rhapsody”, que conta a história do Queen.

No entanto, a canção “Shallow” ultrapassou o sucesso do filme, chegando à quinta posição no ranking “Billboard Hot 100”, sendo reproduzida mais de 196 milhões de vezes na plataforma de streaming Spotify.

Além do longa

A prova do êxito que a música interpretada por Lady Gaga e Bradley Cooper – que dirigiu o longa e concorre na categoria de direção – é a indicação dela ao Grammy 2019, anunciada nessa sexta-feira (7).

Na maior premiação mundial da música, a faixa concorre a três categorias: “Música do ano”, “Gravação do ano” e “Melhor performance de duo/grupo pop”. Os vencedores serão anunciados em 10 de fevereiro do ano que vem, em Los Angeles.

Para aqueles que ainda não viram o filme, vale a pena conferir ainda na telona. Em Belo Horizonte, há uma sessão disponível, no Pátio Savassi. Já a música e o videoclipe estão nas plataformas digitais.

Ouça a música "Shallow":

 

Leia mais:

Nostalgia de 'Bumblebee', ambientado nos anos 80, aumenta expectativa dos fãs

Anitta mostra encontro com Madonna aos fãs: 'Gratidão sem fim'

Rock in Rio garante a edição de 2021 antes de começar a de 2019