O novo coronavírus fez mais uma vítima na classe artística: a cantora gospel Fabiana Anastácio. Ela faleceu na manhã desta quinta-feira (4), em São Paulo.
 
Natural de Santo André, na região metropolitana da capital paulista, Fabiana estaria internada há uma semana, em decorrência da Covid-19, de acordo a rede social da artista. Ela era hipertensa e diabética.
 
A cantora ficou aguardando, por sete dias, vaga de UTI numa unidade pública, enquanto a família fazia uma campanha de arrecadação para custear despesas.
 
Filha de um pastor e de uma maestrina, Fabiana tinha 45 anos e era pastora da Assembleia de Deus, em Santo André. O marido e também pastor Rúben Nascimento teria também testado positivo para Covid-19 e se recuperado. Ele chegou a convocar uma campanha de oração e jejum na segunda-feira (1).
 
 Nas redes sociais, a comoção pela morte da cantora foi grande. "Hoje nosso coração amanheceu de luto pela perda de uma grande cantora do meio gospel (...). Deixo aqui essa humilde homenagem pra uma pessoa que eu sempre admirei e que adorava ao senhor com seus louvores  (...) . Descanse em paz amada", escreveu uma fã.
 
Assisa ao video da música "Pai, eu Confiarei":