Começa nesta quinta-feira (25) o projeto Confraria Amigos de JK, que objetiva reunir seresteiros e o público em geral para tocar e cantar em homenagem à seresta e a Juscelino Kubitschek, o idealizador do Conjunto Moderno da Pampulha. Encontro acontecerá todas as quintas-feiras, das 17h às 19h, nos jardins da Casa Kubitschek.

Segundo Marcelo Ferreira, líder do grupo Seresteiros Amigos de JK, os encontros serão livres e as pessoas terão liberdade de participar tanto da escolha do repertório, quanto tocando e cantando. “A ideia é que todos os amantes da música possam trazer seus instrumentos e vozes, e vir tocar e cantar conosco nestes fins de tarde. Toda semana teremos pelo menos três músicos do grupo e convidaremos a cidade a participar conosco” afirma.

Para Janaína França, gestora da Casa Kubitschek, a ideia é que este encontro se torne uma referência da música na cidade. “Criamos essa agenda fixa pois queremos que este movimento de aumento da apropriação, da amorização e do pertencimento que a cidade está vivenciando na Pampulha como um todo, e especialmente no Museu Casa Kubitschek, que é o equipamento mais novo do Conjunto, se estenda e tenha frutos”, ressalta.

Evento é realizado pela Fundação Municipal de Cultura, em parceria com o grupo Seresteiros Amigos de JK.
 
Seresteiros Amigos de JK

O Grupo Seresteiros Amigos de JK surgiu em 2002 e, atualmente, é referência musical em seu gênero. O repertório do grupo traz modinhas tradicionais, canções românticas, sambas (samba-canção), choros (choro-canção), boleros, valsas, toadas, fox-canção e tangos. Em comum, os integrantes do grupo nutrem uma admiração pelo ex-prefeito de BH e ex-presidente Juscelino Kubitschek (1902-1976). Os encontros do grupo têm a intenção de manter vivas a memória e a obra do político.

Serviço

Local: Casa Kubitschek, na avenida Otacílio Negrão de Lima, 4,188, Pampulha.

Horário: das 17h às 19h.

Aberto ao público.

Entrada gratuita.