SYDNEY - A atriz australiana Cate Blanchett, ganhadora de dois Oscar, revelou a uma revista americana que já teve muitas relações com mulheres.  A australiana, de 45 anos, fez este comentário durante a promoção do filme, "Carol", no qual interpreta uma mulher bissexual na Nova York dos anos 1950.  Ao ser perguntada se esta havia sido sua primeira vez como lésbica, Blanchett perguntou: "No cinema ou na vida real?".  
 
Pressionada pela revista Variety, declarou: "Sim, muitas vezes", sem fornecer mais detalhes.  Blanchett é casada com o roteirista Andrew Upton há 18 anos. Eles têm três filhos - Ignatius, de 6 anos, Roman, de 10, e Dashiell, de 13 - e em março adotaram uma menina.
 
No filme, que será exibido no Festival de Cannes, a nova-iorquina Carol Aird (Blanchett) embarca em uma relação amorosa com Therese Belivet, funcionária de um supermercado interpretada por Rooney Mara. Sem divulgar mais detalhes sobre seus romances passados, Blanchett limitou-se a dizer na entrevista que é uma pessoa que valoriza sua privacidade e que nunca usa Twitter ou busca seu nome no Google.  Também afirmou que nunca assistiu a seus filmes.  
 
Blanchett começou sua carreira como atriz de teatro em Sydney, onde foi aclamada pelo público e a crítica. Depois de seguir para Hollywood, venceu dois Oscar por seus papeis em "O Aviador" e "Blue Jasmine".