O DJ Walter Pinheiro calcula um número de duas mil pessoas presentes na última apresentação dos Forrozeiros de Rua, no Parque Municipal de Belo Horizonte. Muitas delas frequentadoras constantes do projeto sociocultural que acontece desde 2014. Para quem gosta de um arrasta-pé, a boa notícia é que não é preciso mais do que disposição para dançar ao som do forró da raiz.

Atração deste domingo (7), de 9h às 13h, novamente no Parque Municipal, o projeto concebido pelos DJs Walter e Delson é uma das muitas opções de entretenimento gratuito neste fim de semana em Belo Horizonte. Há desde exposições badaladas e apresentações musicais a atividades voltadas para crianças, como contação de histórias e peças de teatro.

Os Forrozeiros de Rua chamam a atenção pela dedicação dos idealizadores. “Não ganhamos nada. Fazemos por amor e pela inclusão social. Começamos numa época em que praticamente não existia cultura de rua. Hoje muitas bandas pedem para tocar, também de graça, para terem visibilidade”, registra Pereira.

Outro espaço popular muito frequentado é a Feira de Artesanato do Mineirinho, sempre com atrações gratuitas aos domingos, a partir do meio-dia. Neste “findi”, subirão ao palco a banda Diga Lá, voltada para o samba, e Rafael Guinó, vocalista da Bartucada de Diamantina.

Se a intenção é aproveitar o tempo livre para sair com as crianças, há duas boas opções na cidade. Uma delas é a exposição itinerante do Museu dos Brinquedos, na Usina de Cultura de Belo Horizonte, no bairro Ipiranga. Com um acervo de mais de 150 peças, a mostra busca valorizar a importância do brincar.

A exposição, que poderá ser visitada nesta sexta (5), de 9h às 17h, e sábado (6), de 8h às 12h, contará também com programas especiais. Neste sábado, às 11h, acontece o espetáculo “Sufoco”, em que um palhaço se desdobra para fazer todas as atrações de um circo, revelando-se um divertido multiartista.

TEATRO DOS PLANETAS

Teatro dos Planetas no Espaço do Conhecimento

No Sesc Palladium, a criançada também tem vez. No sábado e domingo, o centro de cultura recebe o grupo Tapetes Contadores de Histórias, para a apresentação de “Conta um Causo, Ganha um Aplauso” e “Aconteceu Lá na Minha Terra”. Sempre às 10h e às 16h, no foyer do prédio na avenida Augusto de Lima.

Local que concentra diversos museus, a Praça da Liberdade é outro espaço de BH que sempre oferta atividades gratuitas. No Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) este é o penúltimo final de semana para conferir a mostra “Raiz”, do famoso chinês Ai Weiwei, desenvolvida especialmente para o Brasil.

No Espaço do Conhecimento UFMG será oferecida a oficina “Teatro dos Planetas”, neste sábado, às 14h. Sobre um amplo tapete astronômico, o público será convidado a encenar corpos celestes do Sistema Solar para compreender seus movimentos e posições.

Também no sábado, às 17h, o Espaço do Conhecimento realiza o “Librário do Conhecimento”, um jogo de cartas em que os visitantes aprendem a língua de sinais de forma lúdica. O Librário é uma tecnologia social que trabalha a relação entre ícones, sinal em Libras e palavra em português.

SERVIÇO:

Centro Cultural Banco do Brasil – Praça da Liberdade, s/nº. De quarta a segunda, de 9h às 21h.

Espaço do Conhecimento UFMG – Praça da Liberdade, s/nº. Terça a sexta, das 10h às 17h. Sábado, das 10h às 21h. Domingo, das 10h às 17h.

Exposição Itinerante do Museu dos Brinquedos. Na Usina de Cultura de Belo Horizonte (Rua Dom Cabral, 765, Dom Cabral). Segunda a sexta, de 9h às 17h. Sábados, de 8h às 12h.

Feira de Artesanato do Mineirinho (Avenida Antônio Abrahão Caram, 1000, São José). Domingo, a partir das 12h.
Forrozeiros da Rua – No domingo, de 9h às 13h, no Parque Municipal (Avenida Afonso Pena, 1377, Centro).