A Disney decidiu apagar uma cena de assédio sexual que aparece no trecho final de Toy Story 2, já no momentos dos créditos. O filme é de 1999. Há 20 anos, a situação não pareceu ser tão escandalosa, mas, em 2019, os fãs do desenho não perdoaram.

Na imagem, que aparece a partir do 20º segundo, Stinky Pete conversa com duas Barbies, em tom sedutor. "Então, vocês duas são absolutamente idênticas?", ironiza o personagem. "Sabe, tenho certeza que poderia conseguir para você um papel em Toy Story 3", conclui, segurando a mão de uma delas. Ao perceber que a câmera estava filmando, Stinky, nervoso, pergunta: "Desculpa, nós voltamos?." Assista:

De acordo com informações da revista People, a cena foi amplamente repercutida entre fãs do desenho em fóruns na internet. Atualmente, a Disney divulga Toy Story 4, que conta a história de Woody, Buzz e amigos após a chegada de um brinquedo novo.

Leia mais:
Idoso morre durante sessão de 'Annabelle 3: De Volta pra Casa' na Tailândia
'Toy Story 4' mantém liderança das bilheterias
'Toy story 4' homenageia Pixar em uma história cheia de ‘era uma vez’