Em ação com Instagram, Inhotim libera fotografias e vídeos dentro de galerias

Clarissa Carvalhaes - Hoje em Dia
03/08/2015 às 18:28.
Atualizado em 17/11/2021 às 01:12
 (Eugênio Moraes)

(Eugênio Moraes)

A partir desta terça (4) quem for ao Centro de Arte Contemporânea Inhotim, em Brumadinho, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, vai poder fotografar a vontade não apenas os espaços externos do Instituto, mas também o interior de cada uma das suas 22 galerias.

O ponta pé inicial foi dado nesta segunda (3) durante o primeiro #Empty no Brasil (movimento no Instagram que acontece em espaços culturais fora do horário de funcionamento para que os usuários dessa rede possam fotografar os lugares vazios). Durante todo o dia, 15 instagrammers de Belo Horizonte, Rio de Janeiro e São Paulo fotografaram livremente, dentro e fora das galerias.

O diretor artístico do espaço, Rodrigo Moura, afirma que a ação chega como resposta aos novos tempos da fotografia. "Se antes as pessoas guardavam as fotos que produziam em álbuns, hoje elas as compartilham o tempo inteiro. A imagem ganhou um novo sentido no mundo contemporâneo e Inhotim se adequa à essa nova tendência", afirma Moura para completar em seguida:

"Antes não era permitido fotografar dentro das galerias porque queríamos preservar o visitante e não revelar o que estava guardado ali, acreditávamos na experiência individual e única. A verdade é que não deixamos de acreditar nessa individualidade, mas sabemos que o compartilhamento das imagens é uma realidade e seria hipocrisia nos virarmos contra a certeza de que muitas pessoas querem conhecer os lugares, as pessoas, ou coisas, porque começaram a vê-las a partir do olhar do outro".

Instagram

Segundo a gerente de comunidade da rede social na América Latina, a franco-brasileira Inès Schinazi os diálogos com o Instituto tiveram início há pouco mais de seis meses.

"O Empty já aconteceu em lugares como o Metropolitan, de Nova York, e a Tate Modern, de Londres. Ter vindo para Inhotim é um verdadeiro presente. Estamos muito felizes por poder dar início a essa iniciativa", destaca.

Sobre a escolha dos 15 instagrammers que participaram da inauguração do Empty em Inhotim, a gerente assegura que a decisão aconteceu em parceria. "Tanto o Instituto, quanto o Instagram escolheram os 15 perfis que estão aqui. São pessoas que criam conteúdo exclusivo. Arte em cima de arte, que tem afinidade estética e sobretudo atua a partir da inspiração".

 

 

Para a gerente esse #Empty mostra a relevância da comunidade do Instagram para o mundo da arte. “Inhotim e Instagram são extremamente visuais e é ótimo acompanhar os Instagrammers brasileiros fazendo parte deste momento tão importante para a arte no mundo. Quem não conhece Inhotim pode visitar as galerias pelas lentes da comunidade", pontua.

Apesar de abrir as galerias para a produção de fotografias e vídeos, algumas regras precisarão ser seguidas pelo público geral:
- Não é permitido o uso de flash, tripé, pau de selfie, pedestal ou qualquer outro suporte para câmeras;
- Não é permitida a realização de sessão de fotos profissionais.

Confira como como foi o primeiro dia de galerias abertas para a fotografia e o vídeo em Inhotim:

 

Veja agora alguns posts dos instagrammers que participaram do #EmptyInhotim

Uma foto publicada por gu • gus • gusta • (…) (@gustavo_barsilva) em

Uma foto publicada por Sérgio Souto (@soutonomundo) em

Uma foto publicada por Cristina Oya (@crisoya) em

Uma foto publicada por Roger Henrique (@rogerhenrique) em

Uma foto publicada por Guilherme Araujo (@garaujo) em

Uma foto publicada por Lara Dias (@laradias) em

Uma foto publicada por Luiza Ananias (@luananias) em

Uma foto publicada por k. (@kato78) em

Uma foto publicada por ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀décio araújo (@dearaujo) em

Uma foto publicada por Ticiana Porto (@ticianaporto) em

Uma foto publicada por Danny Zappa (@dannyzappa) em

Uma foto publicada por Eve Weigel (@eveweigel) em

Uma foto publicada por | Fred Bandeira | (@fredbandeira) em

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por