Feriadão chegou e não conseguiu viajar com a família? Não se preocupe, é possível fazer passeios gratuitos com as crianças durante o período de folga. O Espaço do Conhecimento UFMG oferece atividades ao público de sexta a domingo. Além disso, os visitantes podem conferir a nova exposição científica do museu, “Energia em Movimento”.

Confira os destaques:

SEXTA (19)

Contos orientais – às 15h

Personagens e objetos saem de uma mala e ajudam a narrar uma antiga fábula: a do pequeno chinês Ping. Segundo a tradição, tudo que o menino plantava florescia, mas a semente que o imperador lhe deu não brotou. A honestidade de Ping é o fundo moral do conto, que aborda os princípios budistas. Essa e outras histórias serão apresentadas aos pequenos visitantes.

SÁBADO (20)

O que escapou a Aristóteles? – às 14h

A expressão O que escapou a Aristóteles? dá nome a uma oficina do Espaço do Conhecimento UFMG que irá discutir algumas concepções físicas. Aluno de Platão, Aristóteles viveu nos anos 300 antes de Cristo e se dedicou ao estudo de diversas áreas, como lógica, retórica e física. Na oficina, os visitantes vão entender um pouco mais sobre as leis do movimento e testar suas hipóteses a partir de experimentos simples. Podem participar pessoas a partir de 10 anos.

Sábado com Libras: visita acessível à exposição Energia em Movimento – às 15h

Está em cartaz, até 30 de setembro, a exposição Energia em Movimento, que aborda as relações entre os conceitos de energia, movimento e tecnologia. Bem interativa, a mostra ficará ainda mais atraente no próximo sábado, às 15h, quando o projeto Sábado com Libras promove uma visita acessível em Língua de Sinais.

Experimentando! Química e o experimento de Miller – às 18h15

Por volta de 1950, o cientista Stanley Miller simulou as condições da Terra primitiva em laboratório e conseguiu mostrar que moléculas orgânicas podem ter surgido de reações na atmosfera. Esse e outros casos de estudos químicos importantes para a evolução da ciência serão contados na atividade. Voltada para crianças de até 10 anos, a oficina tem como cenário a exposição Demasiado Humano, onde há uma reprodução do laboratório do cientista.

DOMINGO (21)

Caminhos do movimento: fluxos – às 15h

É impossível experimentar o mundo sem energia e movimento. Esses conceitos estão dentro de nós e se manifestam de diversas formas: pulsação, curiosidade, identidade. Mas, eles não dialogam apenas com o indivíduo. A atividade vai mostrar que tais dinâmicas se aplicam à coletividade também.