Chefs de diferentes partes do território mineiro estarão reunidos neste domingo (5), a partir das 11h, no evento Made in Minas Gerais, que será realizado no cruzamento entre as avenidas Cristóvão Colombo e Getúlio Vargas, na Praça da Savassi. A entrada é gratuita, mediante retirada de ingresso no Sympla, e pede-se a doação de um quilo de alimento não perecível.

Montes Claros, Tiradentes, Uberlândia e Guapé (Lago de Furnas) são alguns dos municípios representados no evento, que terá pratos variando entre R$ 26 e R$ 34. Depois de provar as delícias de cada região, o público participará de uma votação para eleger o melhor prato da cozinha mineira servido no evento gastronômico.

Além da gastronomia, o Made in Minas Gerais destaca a qualidade da música do Estado. Sobem ao palco Dudu Lima Trio e Wagner Tiso, que convida ao palco outros grandes músicos: Nivaldo Ornelas e Juarez Moreira.

O Made in Minas Gerais também contará com palestras, que serão realizadas no Espaço Culturar (que ficará no quarteirão da avenida Getúlio Vargas), todas com entrada gratuita. Entre os especialistas convidados, estão a azeitóloga Ana Beloto (colunista do Hoje em Dia), o único sommelier de água certificado no Brasil, Rodrigo Rezende, e o barista Felipe Brazza.

As bebidas que poderão ser consumidas no evento também são de fabricação mineira. Entre as marcas convidadas, estão A Cachaçaria Itinerante, o Café das Amoras e a Krug Bier, que vai lançar uma Lager feita especialmente para a ocasião.

Confira a lista de chefs e pratos participantes:

Chef Flávio Trombino, do Restaurante Xapuri, de Belo Horizonte

Prato: “Vira-lata metido a besta”

Uma versão especial do pão com linguiça, que leva baguete francesa, linguiça Xapuri, cebola caramelizada no vinagre de jabuticaba e na rapadura, rúcula e mostarda.

 

Chef Luiz Ney, da Pousada Villa Paolucci, de Tiradentes

Prato: Leitão à pururuca

Após uma semana marinando em uma mistura de ervas, vinho, cachaça e outras especiarias, o leitão é lentamente assado em um processo de 7 horas. Depois a carne é pururcada com um aparelho criado pelo chef

 

Tragaluz Restaurante Casa, de Tiradentes

Prato: Arroz de Pintada e Goibada Tragaluz

Arroz com galinha d´angola. Para quem não perde uma sobremesa, a “Goiabada Tragaluz” traz goiabada cascão prensada em castanha de caju granulada, frita na manteiga e servida em cama de queijo cremoso.

 

Chef Leonard Espíndola, da Cantina do Léo, de Montes Claros

Prato: Arroz com pequi

Restaurante que venceu o Comida di Buteco três vezes em Montes Claros apresenta o prato mais tradicional do Norte de Minas

 

Chef Maria de Lourdes, do Maria das Tranças, de Belo Horizonte

Prato: Frango ao molho pardo

Há mais de 68 anos, o prato é carro-chefe do tradicional restaurante

 

Chef Daniela Melo, do restaurante Terra Brasilis, de Uberlândia

Prato: Costelinha à mineira

Com atuação em restaurantes da Inglaterra e Portugal, a chef Daniela Melo servirá uma tradicional costelinha

 

Chef Janaína Resende, do Pier Terramare, em Furnas

Prato: Tilápia Terramare

O restaurante apresenta uma versão especial para o peixe cultivado na região do Lago de Furnas