Fechada em março devido à pandemia do novo coronavírus, quando já tinha recebido cerca de 480 visitantes, a exposição "Leonardo da Vinci - 500 Anos de um Gênio" está de volta no Museu da Imagem e do Som de São Paulo. A boa notícia para quem é de fora da capital paulista é que o trabalho expositivo foi totalmente convertido para o ambiente on-line.

O museu construiu um ambiente virtual em que é possível visitar todas as 18 "salas" da exposição, com imagens em 360 graus. Há ambientes em que é possível fazer uma imersão completa, a partir de experiências de realidade aumentada. Também ficarão disponíveis vídeos que contam a história do gênio renascentista.

Leonardo da Vinci foi um dos artistas mais versáteis da história da humanidade. Ele foi de pintor à engenheiro de guerra, deixando obras fundamentais, como os quadros "Mona Lisa", hoje pertencente ao acervo do Museu do Louvre, em Paris, e "a Última Ceia", um mural representado Cristo e seus apóstolos, que está na Igreja de Santa Maria dele Grazie, em Milão (Itália).

Os ingressos da exposição custam R$ 20, valor que dá direito a usufruir do ambiente virtual por 24 horas. A aquisição é feita no próprio site do MIS. "500 Anos de um Gênio" poderá ser visitada até 20 de dezembro.