Nesta quinta e sexta-feira, às 20h30, na Sala Minas Gerais (rua Tenente Brito Melo, 1090, Barro Preto), a Orquestra apresenta pela primeira vez uma das mais célebres obras de Villa-Lobos (1887-1959): “Choros nº 8”, inspirada pelas profundas raízes do folclore brasileiro e elevada à grandeza sonora que só uma orquestra pode produzir. Sob regência do maestro Fabio Mechetti, será revisitada a “Sinfonia n° 2 em mi menor, op. 27”, de Sergei Rachmaninov (1873-1943).

Os concertos contam com a participação dos pianistas Celina Szrvinsk e Miguel Rosselini. Balcão Palco e Coro: R$ 34. Mezanino: R$ 44. Balcão Lateral: R$ 56. Plateia Central: R$ 78. Balcão Principal: R$ 98. Meia-entrada para estudantes e maiores de 60 anos. Uma das novidades desta temporada é que, antes de cada apresentação das séries Allegro, Vivace, Presto e Veloce, o público terá a oportunidade de saber um pouco mais sobre os compositores, suas obras e o contexto de sua criação. Além de músicos, há palestrantes de outras áreas do conhecimento. A curadoria desta iniciativa é de Werner Silveira, percussionista da Filarmônica. Os “Concertos Comentados” acontecerão na Sala de Recepções, das 19h30 às 20h, abertos às primeiras 65 pessoas que aparecerem com o ingresso para o concerto do dia. Informações: (31) 3219-9000 ou filarmonica.art.br.