Para celebrar os dez anos de abertura ao público, o Instituto Inhotim realiza, de 1º a 11 de setembro, uma intensa e diversificada programação cultural. As ações incluem uma homenagem ao artista Tunga, falecido em junho deste ano e figura central na concepção do Instituto; a montagem de nova exposição temporária nas galerias Mata e Lago; programação noturna com gravação do DVD do show “Na Medida do Impossível”, de Fernanda Takai; a terceira edição do Seminário Internacional de Educação Inhotim; e apresentações da cantora Marisa Monte e da Filarmônica de Minas Gerais. 

Para o diretor executivo do Instituto, Antonio Grassi, as atividades são uma forma de agradecer ao público e presenteá-lo com atrações especiais. “Desde que o Parque foi aberto, em 2006, já recebemos mais de 2,5 milhões de visitantes. É um número muito expressivo se pensarmos que não estamos localizados em uma capital. Por isso, queremos agradecer a essas pessoas que vêm nos visitar e que levam um pouco do Inhotim consigo. Além disso, uma parte da programação presta homenagem a Tunga, em reconhecimento de sua a trajetória, tão importante para o Instituto”, afirma.

‘Inhotim é um estado de espírito, é único’, diz Antônio Grassi

Fernanda Takai e Tunga
Durante a celebração, pela primeira vez Inhotim fica aberto ao público para visitação noturna, com a Noite Aberta. A edição inaugural do projeto tem show às 18h30 da cantora Fernanda Takai para gravar o DVD de seu mais recente disco solo, “Na medida do impossível”, no dia 3 de setembro.

O palco será montado próximo à árvore Tamboril, na área central do Parque, onde haverá estrutura de alimentação com diferentes opções de food trucks. A Noite Aberta também será o ponto de partida para a homenagem a Tunga que acontece no Inhotim durante a programação comemorativa de dez anos. As instalações True Rouge (1997) e Deleite (1999) ficarão disponíveis para visitação noturna. O Restaurante Tamboril também ficará aberto para o jantar. 

No dia 8, a Galeria Psicoativa é o cenário para a realização de Vanguarda Viperina, às 11h e às 13h. Apresentada uma única vez no Brasil, em 1985, a performance envolve três serpentes, sedadas e trançadas com o acompanhamento de uma equipe de biólogos do Instituto Vital Brasil. O público poderá acompanhar o destrançar dos répteis a medida que o sedativo perde efeito. 

Marisa Monte
A cantora Marisa Monte, por sua vez, apresentará um repertório com canções representativas de sua carreira. A apresentação acontece às 15h do dia 10, no Palco Magic Square, em área reservada do Parque com serviços de alimentação e bebidas para o público.