O jornalista José Paulo de Andrade faleceu nesta sexta-feira (17), aos 78 anos, após ser diagnosticado com Covid-19. Ele estava internado no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, desde o dia 7, mas não resistiu às complicações causadas pela doença viral.

Andrade, considerado ícone do radialismo no Brasil, estava à frente do programa "O Pulo do Gato", no ar desde 1973 na rádio Bandeirantes, onde trabalhava desde 1963, tendo atuado primeiramente com locutor esportivo. Depois de 14 anos na função, passou para a bancada do jornalismo, como apresentador e comentarista.

Ele também foi âncora de telejornais como "Titulares da Notícia", "Jornal de São Paulo", 'Rede Cidade", "Band Cidade" e "Entrevista Coletiva". Ainda na Band, interpretou Don Diego/Zorro em "As Aventuras do Zorro", em 1969.

O Grupo Band de Comunicação divulgou nota destacando que Andrade era dono de "voz firme" e "amplo conhecimento político-econômico", além de um ser dos "maiores formadores de opinião do Brasil".

Leia também:
Minas tem mais de 87 mil casos confirmados de Covid; mortes provocadas pela doença chegam a 1.904
Estoque de sedativo para pacientes graves da Covid-19 pode acabar em 15 dias