O apresentador do Bom Dia São Paulo, Rodrigo Bocardi ,foi acusado de racismo por telespectadores durante a exibição do programa na manhã desta sexta-feira (7).

A matéria mostrava a dificuldade de moradores da zona leste de São Paulo para pegar o metrô lotado na linha vermelha, e o repórter Tiago Scheue aproveitou para entrevistar um jovem chamado Leonel, que aguardava pelo trem.

O garoto estava vestindo o uniforme de um clube de classe alta da cidade e Bocardi mandou perguntar se o jovem estava indo "pegar bolinha de tênis", sugerindo que ele fosse o "gandula". Na sequência, Leonel respondeu dizendo que era atleta do time de polo aquático.

O apresentador, que também frequenta o clube, mostrou-se surpreso com a resposta e afirmou: "E eu estava achando que eram os meus parceiros ali, que me ajudam nas partidas".

Rapidamente, pela redes sociais, vários internautas afirmaram que Bocardi foi racista.
 

Após a repercussão, Bocardi usou o Twitter para pedir desculpas sobre as declarações. Veja:


​* Com Maiara Brito, sob supervisão de Gledson Leão.