Uma volta rápida por uma livraria e você se depara com títulos como “1001 Lugares Para Conhecer Antes de Morrer” ou “1001 Filmes Para Ver Antes de Morrer”, entre outros desdobramentos dessa franquia especializada em fazer listas. Porém, mais do que ler listas, tem muita gente aficionada em fazer suas próprias listas. A atividade se intensifica ao final de cada ano, momento no qual muitas pessoas aproveitam para fazer um balanço do que deu certo e pontuar o que esperam para o ano que se aproxima.

É o caso da jornalista e especialista em desenvolvimento humano Gilmara Lanzetta, de 29 anos. Todo mês de dezembro, ela lista os projetos para o ano novo. “Essa época tem uma energia bacana, principalmente na questão dos projetos que quero que saiam do papel”, justifica a moça.

Na lista de desejos para 2015, ela conseguiu riscar dois pontos importantes. “Terminei minha pós-graduação e comecei um projeto com mulheres colombianas”, comemora. E a lista para 2016 já está pronta e é encabeçada por dois grandes projetos: “Fazer o mestrado na Argentina e publicar minha pesquisa da pós-graduação”, revela Gilmara. Outras listas também fazem parte da vida dela, como a de viagens e livros a serem lidos.

Dever cumprido

O administrador Anderson Junqueira, 27 anos, é outro entusiasta das listas. “Sempre faço, de filmes, livros e séries a que quero assistir. Também faço do que já assisti durante o ano”, conta o rapaz. A sensação de riscar um item é um dos fatores que o impulsionam a continuar com a prática que, para alguns amigos, é vista como mania. “Me sinto muito bem sempre que risco algo da lista. Sensação de dever cumprido. Acho que diminui a ansiedade, mesmo que seja uma lista de lugares para conhecer. Se torna um estímulo para fazer coisas que desejo”, explica.

Ler listas de outras pessoas também é um passatempo na vida da publicitária Priscilla Teixeira, 34 anos. “Adoro ler listas, pois sempre conheço algo legal e interessante. Às vezes, peço para amigos listarem os seus discos preferidos, filmes ou mesmo peças publicitárias, para me inspirar na vida”, diz.

Um dos presentes que ganhou no ano passado foi o livro “Os 10 Mais – 250 Rankings que Todo Mundo Deveria Conhecer”. “Ganhei de aniversário, pois meus amigos sabem dessa minha paixão. O livro traz 250 listas de diversos assuntos, como termos mais buscados no Google, gastronomia, esporte, e por aí vai. Lista é algo que instiga a curiosidade”, comenta.

Para a publicitária, a lista é uma forma também de se organizar. “Antes de fazer a mala para uma viagem faço uma lista de tudo que tenho que levar. E uma tarefa considerada chata, executo, no máximo, em 10 minutos”, exemplifica.

Elas estão Por toda parte: livros, filmes, games, sites e aplicativos se rendem ao universo das listas

Listas, listas e mais listas. O hábito ganha cada vez mais espaço, tanto que já foi retratado em filmes e livros, como o recém-lançado “Tão Insano Quanto Você – Uma Vida em Listas”, do escritor americano Todd Hasak-Lowy. A obra narra a vida de um adolescente por meio de listas. As características dos personagens, seus diálogos e conflitos com os pais, tudo é colocado na narrativa em forma de listas. Até a biografia do autor vem em forma de lista na orelha do livro.

Anunciado como “o livro definitivo para todas as listas da sua vida”, “Listografia” (2014), de Lisa Nola, é outro prato cheio para os amantes dessa verdadeira arte. Baseado no site americano listography.com, no qual o internauta pode criar diversas listas, o livro instiga o leitor a colocar em tópicos alguns momentos de sua vida, como: “Quais foram os melhores presentes que você já recebeu”, “Seus momentos mais embaraçosos”, “Os lugares que já morou” e “O que faria se ganhasse na loteria?”.

O cinema também já se rendeu a esta atividade. No longa “Alta Fidelidade” (2000), o personagem Rob Gordon (John Cusack) passa um bom tempo listando seus “top five”. Ele é dono de uma loja de discos, e após levar um fora da namorada decide listar tudo. Em uma busca por respostas para seus problemas, o personagem leva muito a sério esse hábito.

Sites e aplicativos

A internet é uma aliada dos mais conectados. Quem já abandonou o papel e a caneta encontra diversas plataformas para montar suas listas. No site “I Check Movies”, por exemplo, o usuário cria listas de filmes a que já assistiu, e os que pretende conferir.

Na mesma linha, o brasileiro “Skoob” permite ao internauta criar listas de livros que leu ou pretende ler. Já no site “Foursquare”, é possível criar uma lista dos locais que já visitou.

Além de sites, diversos aplicativos auxiliam a manter as listas em ordem. “Tenho dois aplicativos de listas no meu celular. Faço lista de compras, de pendências no trabalho, e as ligadas ao lazer”, revela o administrador Anderson Junqueira.

São inúmeras as opções, e dentre os mais utilizados está o “Any.Do”: disponível para Android e iOS, o aplicativo tem um estilo parecido com uma rede social. Ele faz uma pergunta para o usuário todos os dias: “Vai fazer o que hoje?”. Ele possui botões de tarefas e conta com vários recursos, como a opção de criar listas e compartilhar objetivos.

Outro aplicativo famoso é o “Evernote”. Nele é possível gravar notas de voz, guardar links de sites interessantes, criar listas de tarefas, entre outras funções.

Para quem gosta de games, o “HabitRPG” pode ser interessante. Ele transforma suas listas em um RPG. Você deve estabelecer sua rotina e ir cumprindo objetivos para ganhar recompensas e evoluir seu personagem.

 

Confira a lista de aplicativos:

Google Keep – O aplicativo de anotações do Google é uma espécie de agenda virtual para o seu dispositivo móvel. Funciona para quem precisa fazer lembretes, porque, além do texto, também permite criar notas com conteúdo multimídia.

Any.Do - Disponível para Android e iOS, o aplicativo de organização tem um estilo parecido com uma rede social. Ele faz uma pergunta para o usuário todos os dias: “Vai fazer o que hoje?”. O app possui botões de tarefas e conta com vários recursos, como a opção de criar listas e compartilhar objetivos.

Wunderlist - O Wunderlist é um dos mais conhecidas para organização de listas. O grande diferencial é ser compatível com Android, iOS, Mac, Windows e Windows Phone, com sincronização entre eles. Assim, você pode criar notas num dispositivo e ver em outros.

Todoist - Um gerenciador que pode ser acessado pela web, além de apps e extensões para navegadores. Tem controles intuitivos, é fácil de usar e também conta com sistema de sincronização entre plataformas. É um app pessoal, sem opções de compartilhamento. Funciona como um diário ou uma lista de anotações que só você tem acesso.

HabitRPG - Se você é fã de games, acaba de encontrar o gerenciador de compromissos ideal. Ele transforma seus compromissos em um RPG. Você deve estabelecer sua rotina e ir cumprindo objetivos para ganhar recompensas e evoluir seu personagem. Ele tem um tutorial bem detalhado.

Evernote – Um dos mais famosos aplicativos de notas tem versão web e para todos os sistemas operacionais móveis. Crie notas, guarde links de sites interessantes, grave notas de voz, faça upload de livros e documentos em PDF, crie listas de tarefas, tire e guarde fotos, etc. Tudo isso com sincronização entre dispositivos.

Microsoft OneNote - O OneNote é um dos mais completos app de anotações. Funciona em Windows, Mac, Android e iOS, além da web. É grátis e precisa só de uma conta Microsoft para fazer login. Em todas as versões, a interface é bastante intuitiva, os menus são em português e não existe nenhuma dificuldade em usá-lo.
 

Tysdo – O Tysdo (Things You Should Do, algo como as Coisas Que Você Deveria Fazer) estimula as pessoas a compartilharem seus sonhos. Nele, o usuário escreve algo que é prioridade em sua vida – é possível fazer uma lista – e posta para os amigos na medida em que for alcançando as metas. Os amigos podem interagir.

Toodledo - Gratuito e exclusivo para iOS, o Toodledo permite que o usuário acompanhe a prioridade, data de início, data de vencimento, hora, duração ou status de uma atividade. É possível criar listas, ver tarefas em mapas e receber alertas de proximidade quando o usuário estiver em um local onde há algo para fazer.

Remember the Milk - Compatível com web, Android e iOS, armazena todas as notas online, e tem integração com Twitter, Google Calendar e Google Maps. Permite editar múltiplas tarefas, adicionar widgets à tela do celular e configurar vários perfis, como um pessoal e um profissional.

 

Livros para quem gosta de listas:

- "Tão insano quanto você - uma vida inteira em lista"

- "Listografia"

- "Roube como um artista : o diário"

- "501 grandes artistas"

- "501 grandes escritores"

- "1001 dias que abalaram o mundo"

- "1001 discos para ouvir antes de morrer"

- "1001 videogames para jogar antes de morrer"