Política oficial

Dois momentos de páginas políticas na Flip. Mesa com Fernando Gabeira e Luis Eduardo Soares, com mediação de Zuenir Ventura, teve ataque e defesa da presidente Dilma Rousseff. Uma participante, identificada como Marina (que não era Silva), chamou os debatedores de autoritários e anti-PT.

Política informal

Liderando um grupo musical de Ciranda de Paraty, o senhor Ferino interrompeu a apresentação na Flipinha para pedir ao próximo prefeito da cidade que olhe pela cultura popular. “Senão o turista vai vir aqui e vai dizer que Paraty não tem nada de cultura”, reclamou, arrancando aplausos da animada plateia.

Os melhores

Jornalista do Nordeste reclamou que a seleção de 20 jovens escritores feita pela revista Granta, que resultou numa publicação lançada em Paraty,  não saiu do eixo Rio/São Paulo, com raras exceções. Nenhum de Minas entrou na lista. A maioria dos nomes é conhecida do público, como Tatiana Salem Levy, João Paulo Cuenca e Michel Laub.

De graça

A editora Benvirá investe no nome da cubana Zoé Valdés, que nasceu no ano da revolução, 1959, vive em Paris e faz oposição ao regime de Fidel Castro. Distribuiu em Paraty cem exemplares de seu sucesso “O Todo Cotidiano” e o recém-lançado “A Eternidade do Instante”.   

Tímido e amado

Jonhatan Franzen, ídolo da literatura americana, não conseguiu esconder cerca timidez e foi bastante cauteloso nas respostas aos jornalistas, em coletiva na Pousada do Ouro. Ficou claro, no entanto, a admiração pelos seus sucessos de venda, especialmente “Liberdade”. O escritor-filósofo-psicólogo de 52 anos, amante dos pássaros, mostrou que tem fôlego para a escrita. E o sucesso.