Lou Schmidt se envereda em estética glitch e lofi em disco autobiográfico

Thiago Prata
@ThiagoPrata7
25/08/2020 às 15:38.
Atualizado em 27/10/2021 às 04:22
 (KVPA/Divulgação)

(KVPA/Divulgação)

Sob a filosofia do “faça você mesmo”, Lou Schmidt lançou recentemente “Turn Me Off”, seu terceiro disco, que reúne três músicas e três videoclipes independentes. O mais novo trabalho está disponível nas plataformas digitais.

Responsável pelas composições, as letras, os instrumentos e os arranjos, o artista aposta em uma sonoridade calcada na estética glitch, lofi e anos 80, numa mescla de industrial, rock, eletrônico e pop.

“Gosto de pensar que moro numa realidade distópica, quase cyberpunk. Acho que minha arte é bem inquieta e barulhenta, mas milimetricamente planejada e controlada”, diz.

As letras, quase autobiográficas, destilam reflexões sobre rotina, caos, ansiedade, obsessão por propósito e outros assuntos.

(Com release)KVPA/Divulgação

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por