Belo Horizonte se tornou palco para o lançamento da primeira música do país composta, tocada e cantada por pessoas com síndrome de Down. O videoclipe “Poder de Transformar” foi publicado nas redes sociais para marcar o Dia Internacional da Síndrome de Down.

O single foi composto em uma parceria entre o maestro Daniel Viana, a cantora Júlia Laurence e o músico Dudu do Cavaco. De acordo com o presidente do Instituto Mano Down, Leonardo Gontijo, a música é a realização de um sonho que mistura vitória sobre o preconceito e inclusão. “Quando o Dudu nasceu, todos falavam que ele nunca conseguiria tocar um instrumento musical sequer. Hoje ele toca dez diferentes e é referência no mundo musical em todo o mundo”, destaca Gontijo.

O videoclipe conta com a participação de jovens, adultos e crianças quem têm síndrome de Down. Para Leonardo Gontijo, a iniciativa da gravação da canção e do videoclipe é para garantir mais visibilidade para a necessidade da sociedade ser mais inclusiva. “A música tem o poder de conectar as pessoas, trazer reflexões e de transformar. Assim, acredito que é fundamental dar oportunidades como essa para que as pessoas com Down possam mostrar as suas capacidades. Ao dar visibilidade, conseguimos mudar o olhar da sociedade, para que enxergue o potencial e não a deficiência”, enfatiza.

Leia Mais:
Primeira repórter com síndrome de Down diz que sonha em entrevistar o rei Roberto Carlos
Informação e planejamento são chaves para profissionalizar negócios