O arquiteto Márcio Tomassini, responsável pelo projeto do Projac, morreu na madrugada deste sábado (15), aos 78 anos, em sua casa, no Rio. Ele ocupava a vice-presidência de Finança e Patrimônio do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB) do Rio de Janeiro e coordenou a revisão da legislação urbanística da cidade durante a gestão do prefeito Saturnino Braga, nos anos 1980.
 
Em parceria com o arquiteto Antônio Guimarães, Tomassini foi responsável pelo projeto do Projac, centro de produção da Rede Globo, localizado num terreno de 1,5 milhão de metros quadrados na zona oeste do Rio e inaugurado em 1995. 
 
Ele deixa mulher, a geógrafa francesa Nicole Lacroix, três filhas e netos. O enterro será realizado amanhã, às 14h30, no cemitério São João Batista, em Botafogo. O corpo do arquiteto será velado na capela 4, durante a manhã.