A atriz Tereza Rachel morreu no início da tarde de sábado (2) no Rio de Janeiro, mas a informação só foi confirmada nesta segunda-feira (4) pelo Hospital São Lucas, em Copacabana, zona sul do Rio, onde ela estava internada havia três meses.

Tereza deu entrada na unidade com problemas intestinais no dia 30 de dezembro. Ficou no Centro de Tratamento Intensivo (CTI) do hospital desde então. A causa da morte, segundo o São Lucas, foram complicações decorrentes de um quadro agudo de obstrução intestinal. O hospital não divulgou informações sobre velório nem enterro do corpo.

Carreira

A atriz que era natural de Nilópolis, na Baixada Fluminense, começou a carreira em 1955, atuando no teatro. Um ano depois, ganhou o prêmio de atriz revelação da Associação Brasileira de Críticos Teatrais, ABCT, por sua atuação em Prima Donna. Nascida Teresinha Malka Brandwain Taiba de La Sierra, tinha 80 anos e uma carreira de 60 no teatro, cinema e TV, como produtora e atriz. Fundou seu teatro nos anos 1970, dando palco a espetáculos de vanguarda.

A atriz interpretou diversos personagens marcantes na TV. Entre os de maiores sucessos está o da Rainha Valentine de 'Que Rei Sou Eu?' (1989).

Em 1981, a atriz fez parte do elenco de Baila Comigo, outro sucesso da TV Globo.

 

Tereza ainda participou ainda das novelas O Grito (1975),  O Astro (1978), Louco Amor (1983). Ela fez o papel de Francesca  Ferreto na novela A Próxima Vítima (1995).

O último papel de Tereza Rachel na TV Globo foi na novela Babilônia (2015).

Abaixo você confere um trecho de uma entrevista à TV Cultura, em 2010.