Pets moram nos corações de seus donos, mas, quando estão sozinhos, aprontam todo tipo de travessura

Vanessa Perroni - Hoje em Dia
06/08/2015 às 07:05.
Atualizado em 17/11/2021 às 01:14
 (Lucas Prates)

(Lucas Prates)

A estreia está prometida para 2016, mas o trailler de “Pets – A Vida Secreta dos Bichos”, nova animação dos estúdios Universal, já vem sendo replicado por um contingente de entusiastas dos “melhores amigos dos homens”. Não bastasse, acaba de chegar, às livrarias, “Sem Coleira – A Vida Secreta dos Cães” (Rocco), de Rupert Fawcett, com tirinhas muito divertidas que trazem a mesma ideia. Mas, afinal, os bichos costumam de fato aprontar, quando seus donos estão fora?

A resposta é sim, em se tratando de Apollo, um cachorro Akita, e de seu feliz proprietário, o administrador, cabeleireiro e DJ Reury Caxito, 29. “Tenho um vídeo dele sozinho em casa, no qual fica até fazendo sons – parece estar cantando!”, conta Reury.

Mas não só. “Ele uiva e faz de tudo para chamar a atenção”, conta o moço, acrescentando que, ao contrário de outros cães de sua raça, Apollo adora interagir. Aliás, o carisma rendeu ao peludo até um perfil no Instagram (apollo_bh), que já soma mais de mil seguidores. “No Carnaval, ele saiu fantasiado todos os dias e todo mundo queria tirar fotos com ele”.

Felino

E os felinos, onde ficam nesta história? Bem, com apenas um salto, há uma representante da espécie que alcança a maçaneta, empurra a porta e... pronto! O acesso ao corredor dos quartos está devidamente liberado. Com apenas sete anos, Cuca agita a casa do publicitário Gabriel Zaidan (confira a travessura de Cuca no Portal HD – hojeemdia.com.br).

“‘Monstro’ (apelido da felina) abre portas há aproximadamente um ano. Aprendeu do nada e nunca mais parou”, conta o jovem, que chega a colocar uma cadeira em frente à porta do corredor à noite “para evitar que ela pule e abra, pois, do contrário, fica miando na nossa porta às 6h da manhã”.

Sozinha em casa, Cuca (ou Monstro) arrebentou a corda do violão e comeu todas as flores. “Minutos antes de qualquer um de nós chegar em casa, ela se levanta, vai até a porta e espera. Não sabemos bem como faz isso, porque é antes mesmo de o carro entrar na rua”, conta o rapaz, que mora com os pais e uma irmã. “Imaginamos que, sozinha, busca formas de destruir nossos objetos e procura locais inusitados para dormir”, ri. “Apesar de tudo isso, nós a amamos”, confirma, a seguir.

Desenhos animados

“Ele é um mamífero semi-aquático que bota ovos”. Essa frase é dita sempre que Perry, o ornitorrinco, entra em ação usando o codinome “Agente P”, na animação americana “Phineas e Ferb”. Mas essa não é a única a retratar a vida dos bichos longe dos olhos dos donos.

“T.U.F.F. Puppy” é outro exemplo. O desenho que estreou em 2010, no canal Nickelodeon, conta a história de um cão hiperativo recrutado por uma agência de combate ao crime.

E quem não se lembra do preguiçoso e folgado Garfield, que odeia a segunda-feira? O gato que sempre apronta quando o dono sai de casa, também ganhou voz, mas só os espectadores sabem o que se passa pela cabeça desse felino. O seu dono Jon, nem imagina...

Muito além da imaginação

Filmes e tirinhas registram a vida secreta dos animais

SEMPRE JUNTOS – A porca Gabi e sua fiel amiga poodle com o dono Lucas (Foto: Lucas Prates)

Cinco cachorros e uma porquinha são os animais de estimação do jornalista e estudante de publicidade Lucas Sangi, 22 anos. Administrar essa turminha não é fácil, mas, ok, ele se diverte. Não tanto com as travessuras dessas fofurinhas quando elas se sentem donas da casa. “A Gabi – a porquinha – aprendeu a abrir portas e armários. Um dia, chegamos em casa e ela tinha comido tudo que estava na dispensa. O chão estava cheio de restos de alimento”, conta Lucas.

Gabi tem um ano e meio e muitas afinidades com a cachorrinha poodle, com quem brinca mais. “Elas interagem muito, por ficarem dentro de casa parte do dia. Toda bagunça que fazem quando não estamos em casa está relacionada a comida”, afirma Lucas. E basta um olhar do dono para saber que fizeram algo errado. “A Gabi é mais inteligente que os cachorros, e a mais arteira. Mas eles (os seis) são todos cúmplices nas bagunças”, diz.

Em breve, nos cinemas

Muitos devem pensar que os animais de estimação ficam quietinhos, aguardando a volta dos donos. Como os entrevistados dessa matéria já mostraram, a situação não é bem assim. E é exatamente sobre esse momento que se debruça o já citado “Pets – A Vida Secreta dos Bichos”, que, aliás, é dos mesmos criadores de “Meu Malvado Favorito”.

O trailer foi divulgado no final de junho e pipocou nas timelines do Facebook. A página do filme tem mais de 600 mil curtidas, e, no YouTube, o trailer já foi visto mais de um milhão de vezes. Dirigido por Chris Renaud , “Pets...” traz gatos, cachorros e um papagaio que, assim que seus donos saem, aprontam.

Enquanto a animação não chega, a boa nova é que BH recebe, dessa quinta-feira (6) ao dia 12, a Mostra Internacional de Cinema Pelos Animais, dedicada exclusivamente às questões ligadas ao universo animal. De minúsculos e franzinos ratos de laboratório a gigantescos elefantes selvagens, o projeto reúne produções que procuram explorar e desvendar aspectos diversos da complicada relação do ser humano com as outras espécies (leia infográfico ao lado).

Do Face para as livrarias

Mas não, não é só o cinema a aventar o que se passa na cabeça desses seres irracionais (ou não). E está aí o cartunista londrino Rupert Fawcett e o seu “Sem Coleira” para provar. O livro traz tirinhas bem-humoradas sobre o que os cães pensam ao executar atitudes corriqueiras, como marcar território ou sair para passear. Resultado: virou sensação na internet, em particular, nas redes sociais.

As tirinhas fazem parte da série “Off the Leash” divulgada no Facebook, e que possui 720 mil curtidas. O autor mostra a reação dos cães durante, por exemplo, uma discussão dos donos ou até o que conversam em reuniões secretas e grupos especiais.

É quase impossível não soltar boas gargalhadas diante de quadrinhos como os que revelam o que se passa na cabeça dos bichinhos na hora de comer e suas táticas “pra’ lá de inventivas para chamar a atenção. Ao longo das páginas, Fawcett surpreende os leitores com frases sarcásticas e atitudes maquiavélicas – como as estratégias para conquistar espaço sobre a cama ou o sofá.

Em 2014, um americano filmou seu cão sozinho em casa. O vídeo teve mais de 9 milhões de visualizações. Assista no Portal HD


“No Carnaval, ele saiu fantasiado todos os dias. Gosta da festa em torno dele. E por isso faz de tudo para sair de casa. Se reunir os vídeos dele, sozinho, dá um filme bem engraçado” Reury Caxito - Administrador

 

 

Confira alguns dos vídeos citados na matéria:

  "Monstro" abrindo a porta:  

 

 

Trailer do Filme "Pets - A vida secreta dos bichos":

 

 

O que um Beagle faz sozinho em casa: 

 

 

Americano que colocou uma câmera em seu cachorro para ver o que fazia sozinho em casa:

 

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por