Selena Gomez participou na última terça-feira (14), do 72º Festival de Cannes, na França, e disse, durante a coletiva de imprensa, que considera as redes sociais algo perigoso.

Com mais de 150 milhões de seguidores no Instagram, a cantora afirmou que a sociedade está passando por uma "experiência desagradável" no mundo virtual, em que meninos e meninas estão se expondo sem estarem cientes dos riscos por trás disso e das notícias falsas.

"Essas pessoas estão arrasadas, lidando com o bullying e não sendo capazes de terem suas próprias vozes. Podem ser ótimas [as plataformas] em alguns momentos, mas eu tomaria cuidado e estabeleceria alguns limites", sugeriu. "As redes sociais são terríveis para a minha geração", completou, segundo a Variety.

Em agosto de 2016, Selena Gomez foi internada em uma clínica de reabilitação para tratar seus problemas de ansiedade, depressão e ataques de pânico decorrente do lúpus. Um ano depois, ela contou que passou três meses sem celular durante o tratamento e "aprendeu muito".

Em outubro de 2018, a artista foi internada em um centro psiquiátrico com uma crise emocional, após apresentar um nível "alarmantemente baixo" de glóbulos brancos no sangue.

Selena Gomez também usou o Festival de Cannes para divulgar sua participação no filme de comédia e terror zumbi Os Mortos Não Morrem, que estreia em 11 de julho deste ano nos cinemas brasileiros. Veja abaixo o trailer em que a cantora aparece:

Leia mais:
Selena Gomez vai estrear no filme de zumbi 'Os Mortos Não Morrem'
'Estou feliz, mas antes não queria saber de macho', diz Maisa sobre namoro
Integrantes da banda BTS sofrem 'pequeno acidente' de carro após show