#PostHD Conteúdo Patrocinado

Sérgio Mallandro escolhe Belo Horizonte para comemorar os 37 anos de carreira, completos neste mês. O humorista apresenta na sexta-feira, o stand-up “A Terapia da Allegria”, no Cine Theatro Brasil Vallourec, a partir das 21h.

O humorista, ícone da cultura trash nas décadas de 80 e 90, tem sido chamado entre colegas de “fenômeno do stand-up”, por ter sido assistido por mais de 1 milhão de pessoas, percorrido Brasil, Estados Unidos e Europa e, ainda, ter vencido, por cinco anos consecutivos, o prêmio de melhor
Stand-Up Comedy nacional.

Ele garante que o espetáculo vai além do “glu glu, yeah yeah”, e traz inúmeras memórias de sua longeva carreira. No show, Mallandro cita personagens importantes de sua trajetória como padrasto General, Xuxa, Marlene Mattos, Wagner Montes, Maradona, Jorge Benjor e Silvio Santos.

O show relembra desde a sua estréia na televisão, no programa “Cidade Contra Cidade”, em 1981; e erpassa as passagens que teve pelo cinema em filmes como “Os Trapalhões na Arca de Noé” (1983), “Lua de Cristal” (1990) e “Ópera do Mallandro” (2007). Sem se esquecer dos hits que foram sucesso por gerações, como “Vem Fazer Glu Glu” e “Piu Piu Au Au”.

Mallandro garante ainda que um dos méritos da peça é interagir com a plateia. Com destaque para o final, quando será aberta a “Porta dos Desesperados”, uma de suas atrações mais populares, durante a década passada, na qual participantes são convidados a escolher uma entre três portas para encontrar um presente valioso –ou surpresas jocosas. 

Vale destacar que o espetáculo é acessível aos surdos. Este público, além de contar com entrada gratuita, tem à disposição intérpretes de libra. 

SERVIÇO
Sérgio Mallandro em “A Terapia da Allegria “, no Cine Theatro Brasil Vallourec (Av. Amazonas, 315 – Centro), nesta sexta-feira, às 21h Censura: 14 anos
Ingressos: na bilheteria do teatro e pelo site www.eventim.com.br