A próxima terça-feira (25) marca os 10 anos sem o talento e a genialidade de Michael Jackson. Em Belo Horizonte, fãs poderão aproveitar o feriado desta quinta-feira para relembrar os sucessos da carreira do Rei do Pop. O brasileiro Rodrigo Teaser, sósia do artista, levará o tributo também aos palcos de outras quatro capitais ainda neste mês. 

Além da aparência similar e da performance fidedigna aos inigualáveis shows do popstar norte-americano, Teaser tem no estafe o auxílio luxuoso de quem já dividiu o palco com Michael Jackson: o coreógrafo LaVelle Smith e a guitarrista Jennifer Batten, que participou de todas as turnês dele.
LaVelle integrou a equipe do astro por mais de 20 anos, começando como bailarino, depois coreógrafo e diretor dos shows. “This is it”, a turnê que não se concretizou devido à morte do cantor, em 2009, foi montada com a equipe original chefiada por LaVelle, depois substituída na fase de ensaios. E é ele quem dirige o espetáculo do brasileiro, numa parceria que começou há mais de cinco anos.

“Em 2011, mandei uma mensagem para ele, enviei alguns vídeos com apresentações minhas. No fim de 2012 ele respondeu, para minha surpresa”, lembra Teaser. “Ele elogiou as apresentações, questionou como conseguimos reproduzir alguns números tão bem e se propôs a fazer parte”, conta o artista, que na época produzia os shows com a esposa, de forma amadora. laVelle diz que após ter ignorado a primeira carta de Rodrigo Teaser decidiu ler a segunda e não se arrependeu. “Li, pelas palavras, que era alguém que enxergava pelos olhos do Michael e entendia essa missão de ajudar ao próximo”, relata o norte-americano, que não poupa elogios ao brasileiro. “Vejo muito do Michael nele. É algo sem paralelo. Então ele me proporciona a alegria das lembranças de como era estar com o Michael”.

Números
Rodrigo Teaser vê na direção de LaVelle Smith uma forma de entender melhor o processo de criação dos espetáculos e reproduzir a atmosfera pensada originalmente para as performances de sucessos como “Billie Jean”, “Thriller”, “Beat It” e “Black or White”. “Uma coisa é ver as apresentações, a outra é entender a motivação por trás dos números. Além das canções mais famosas, o público costuma reagir muito bem à nossa performance de ‘Dangerous’, que foi coreografada pelo LaVelle”, explica. 

O primeiro show em conjunto foi em 2014 e a parceria se repetiu nos dois anos seguintes. “No primeiro show ele me pediu para subir ao palco, coisa que não fazia desde a morte do Michael. Foi um momento muito emocionante para mim”, lembra o brasileiro. 

O trabalho recomeçou em 2018 e agora segue mais elaborado, relembrando os 10 anos da passagem de Michael Jackson. “Sempre contamos com uma grande produção em termos de show. Dessa vez, teremos mais aparatos, como elevadores e efeitos especiais, além de músicas que vamos levar ao público pela primeira vez”, adianta Teaser, que começou a imitar e Michael Jackson há quase 30 anos, participando, ainda criança, de programas de TV infantis. Atualmente, soma cerca de 400 shows profissionais no currículo. Em 2003, foi convidado para representar a América Latina num show em homenagem ao ídolo, em Nova Iorque, com presença do próprio Michael Jackson, que morreu em 25 de junho de 2009, após uma overdose do anestésico propofol, administrado pelo médico Conrad Murray.

Além das icônicas músicas e videoclipes, Michael Jackson obteve reconhecimento em diversos prêmios. Integra o Hall da Fama do Rock and Roll, tanto como artista solo quanto com a banda Jackson 5, e tornou-se um dos 15 artistas a receber o Grammy Legend Awards

A turnê começa amanhã em Porto Alegre, vai para o Rio de Janeiro nos dias 21 e 22, e chega a Belo Horizonte no domingo (23), de onde ruma para uma apresentação única em Brasília, dia 28. A temporada termina nos dias 29 e 30 de junho, em São Paulo.

SERVIÇO
TRIBUTO AO REI DO POP
Domingo (23) de junho
18h Km de Vantagens Hall BH
Av. Nossa Senhora do Carmo, 230 – São Pedro 
Ingressos de R$ 45 (meia) a R$ 140 (inteira)