A Fundação de Educação Artística (FEA) oferecerá gratuitamente seis mini-residências artísticas para músicos mineiros que irão acontecer no próximo ano, em seis diferentes regiões de Minas Gerais. A entidade foi selecionada pelo edital de chamamento público do programa Música Minas 2015, que disponibiliza R$ 405 mil para a realização dessas ações, em mútua cooperação, com vistas à promoção de modelos de fazeres artísticos contemporâneos, que partam do processo colaborativo e priorizem dinâmicas que valorizem a obra em progresso. A previsão é que a operação das mini residências aconteça ao longo do ano que vem.
 
No campo da música, entende-se por residência artística a oferta de espaço e de condições propícias ao trabalho criativo e produtivo, à pesquisa musical, à experimentação de linguagem e ao compartilhamento do fazer artístico, com vistas ao desenvolvimento de novas linguagens, ao aprimoramento técnico, tendo como objetivo o convívio e as possibilidades de interlocução, de diálogo e de colaboração inerentes às práticas de residência.
 
A escolha da entidade privada e sem fins lucrativos, via chamamento público, levou em conta a proposta apresentada. A obra “Seis Propostas para o Próximo Milênio”, de Ítalo Calvino, serviu de mote e inspiração para a equipe de mediadores da FEA. O livro trata sobre como trabalhar a leveza e investir em “uma habilidade inata de subtrair peso às coisas”.
 
“O edital funciona como alternativa à grande parte das políticas públicas de incentivo à cultura no Brasil, que tendem a compelir os artistas à formulação de projetos cuja execução se dá pelo cumprimento de processos e tarefas previamente estabelecidos”, informa o explica o Secretário Adjunto de Estado de Cultura, João Miguel.
 
Em 1965, a fundação realizou o que seria a primeira experiência com residências artistísticas, quando recebeu o professor residente Hans Graf, eminente músico austríaco. O primeiro encontro motivou o investimento em processos criativos também nos festivais de inverno das cidades de Ouro Preto e Diamantina, experiência que traz a FEA para a condução das mini residências do programa Música Minas.