A cantora Vanusa, de 73 anos, morreu na manhã deste domingo (8) em uma casa de repouso em Santos, em São Paulo, onde morava há mais de dois anos.

Um enfermeiro do local notou que, por volta das 5h30, Vanusa estava sem batimentos cardíacos. Uma equipe da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) foi acionada e constatou que a causa da morte foi insuficiência respiratória.

Nos últimos dois meses, a cantora esteve internada no Complexo Hospitalar dos Estivadores, em Santos, por causa de um quadro grave de pneumonia.

Segundo funcionários da casa de repouso, Vanusa recebeu a visita da filha mais velha, Amanda, nesse sábado (7). Ela cantou, brincou, riu e se alimentou bem. A cantora seguia fazendo fisioterapia e tratamento na residência para idosos.

Trajetória 

Nascida na cidade de Cruzeiro, interior de São Paulo, em 22 de setembro de 1947, Vanusa Santos Flores foi criada em Uberaba, no Triângulo Mineiro.

Ao longo da carreira foram mais de 20 discos lançados e mais de três milhões de cópias vendidas. Ao lado do marido Antônio Marcos, falecido em 1992, fez grande sucesso durante os anos 1970, no movimento chamado de Jovem Guarda.