Durante uma dinâmica nesta segunda-feira (5) no Big Brother Brasil 21, da Rede Globo, o mineiro e professor de Santos Dumont João Luiz fez um discurso sobre racismo após ficar ofendido com um comentário do cantor e participante da edição Rodolffo Matthaus. No último fim de semana, o artista fez comentário sobre o cabelo do docente. O acontecimento gerou repercussão na web, com famosos e internautas se posicionando sobre o assunto.

No sábado (3), o cantor estava se trocando para cumprir o castigo do monstro que consistia em dançar em uma plataforma utilizando roupa e peruca de homem das cavernas. Ao pegar o acessório, Rodolffo, rindo, disse que era igual ao cabelo black de João, que no mesmo momento rebateu: "Não, não é igual. É diferente".

O brother se mostrou bastante incomodado com o comentário e, no dia, até chamou a amiga e também participante Camilla de Lucas para desabafar sobre a situação.

Já na noite de segunda-feira (5), durante o jogo da discórdia que visa a apontar quem é o melhor ou pior participante e ainda quem joga sujo no programa, João citou Rodolffo como 'jogo sujo' da edição e, emocionado, justificou relembrando o comentário em que se sentiu ofendido.

“Muita gente aqui pode não saber, mas no sábado aconteceu uma situação no quarto cordel onde estávamos eu, Caio, Rodolffo e Juliette, e eu tô dizendo isso aqui agora porque pra mim é um momento de muita coragem, de poder estar falando isso aqui agora. Rodolffo chegou a fazer uma piada comparando a peruca do monstro da pré-história com o meu cabelo. Então, isso pra mim tocou num ponto muito específico. O jogo pode ser, sim, coisas que a gente vive aqui dentro, mas tem que ser um jogo de respeito”, disse o mineiro em seu discurso.

Rodolffo se mostrou surpreso e respondeu: “Se todo mundo observou como era a peruca do monstro... Acredito eu que era um pouco semelhante”.

João continuou seu desabafo, relatando o quanto se sentiu magoado com a fala do sertanejo, e foi consolado por alguns participantes.

Repercussão

Na web, famosos e internautas comentaram sobre a situação e muitos estão divididos entre defender o cantor e o professor.

Na tarde desta segunda-feira, hashtags como #Vitimismo e #FicaRodolffo estão nos assuntos mais comentados do Brasil, onde alguns acreditam que João foi incoerente e “agiu de má-fé" ao deixar de conversar com Rodolffo na ocasião e expor a situação ao vivo. Veja:

Outra parte da web prestou apoio ao mineiro, repelindo a atitude do cantor:

Famosos como Luciano Hulk, Elza Soares e Deborah Secco também se posicionaram sobre o assunto:

A família de João se manifestou após o ocorrido pedindo respeito, e dizia estar chorando com o brother:

Já o pai de Rodolffo se manifestou no Instagram defendendo o filho. Ele postou uma foto com o cabelo afro e citou "ataques desproporcionais" feitos a ele:

(*) Estagiária do Hoje em Dia, sob supervisão da editora-adjunta Renata Galdino 

Leia mais:
Após bater recorde na eliminação, Karol Conká diz que é 'nova Carminha', mas vai aprender com erros
BBB21: web acusa Karol Conká de escapar do paredão com 'trapaça' e Globo se posiciona
Famosos pagam caro por falas e atitudes que "desagradam" o mundo virtual