Zema é contra possível pedido de impeachment do presidente Jair Bolsonaro

Da Redação
portal@hojeemdia.com.br
30/01/2021 às 10:02.
Atualizado em 05/12/2021 às 04:03
 (Reprodução/ Instagram)

(Reprodução/ Instagram)

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), explicou, na noite dessa sexta-feira (29), qual o posicionamento dele sobre um possível processo de impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Em resposta a uma publicação do partido Novo pelo Twitter, o governador disse que continua "crítico à postura daqueles que defendem o impeachment", mas que não se envolve em “questões partidárias”. 

O esclarecimento foi feito depois que o governador disse, em entrevista à Rádio 98, que o partido já teria se posicionado a favor do impeachment. Em seguida, o Novo desmentiu a fala de Zema, esclarecendo um “mal-entendido por parte do governador”, afirmando que ainda “não há decisão formada” sobre o assunto. “O partido tem consultado juristas e sua bancada federal tem analisado de forma técnica os possíveis crimes de responsabilidade”, diz a publicação.

Ontem, Zema disse não ter sido “tão claro” durante a entrevista, afirmando que respeita qualquer “posicionamento futuro” do partido do qual ele faz parte. "Em entrevista, critiquei a hipótese de pedido de impeachment do presidente. Não me fiz tão claro. Vai esclarecimento: continuo crítico à postura daqueles que defendem o impeachment. Como mandatário, não me envolvo em questões partidárias, mas respeito qualquer posicionamento futuro", afirmou. 

Em entrevista, critiquei a hipótese de pedido de impeachment do presidente.Não me fiz tão claro.Vai esclarecimento: continuo crítico à postura daqueles que defendem o impeachment. Como mandatário, não me envolvo em questões partidárias, mas respeito qualquer posicionamento futuro https://t.co/usRKN2fHpB— Romeu Zema (@RomeuZema) January 29, 2021
Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por