Para driblar a frenética rotina e cumprir as tarefas diárias como empresária, a advogada Fernanda Nejm Carvalho El Bacha, de 33 anos, não abre mão de dois cuidados: manter seu closet (que em breve será reformado e terá o dobro do espaço atual, que já é grande) sempre organizado e uma espécie de miniguarda-roupa dentro do seu carro. “A reforma do closet é para desafogar o armário, que fica ali com minhas roupas de festa”, aponta Fernanda para o móvel que hoje ocupa a área anexa ao seu dormitório.
A primeira missão fica a cargo da assistente Creusa Cardoso, carinhosamente apelidada de Ninha. É ela quem cuida da arrumação e da disposição de todos os mimos da patroa: dos lindos modelos de bolsa Birkin, da grife Hermès, aos sapatos-joias das marcas Valentino, Dolce & Gabbana e Sérgio Rossi, organizando ainda sneakers Isabel Marant e dezenas de jeans (a maioria de marcas americanas).

UM CLOSET PRA CHAMAR DE SEU

Com divisórias, prateleiras e até compartimento giratório para guardar os calçados, o closet de Fernanda tem ainda fofos cestos (onde ficam os cintos) e enormes caixas. A parte central do ambiente é preenchida por uma bancada com tampo transparente e que dá para apreciar a variedade de óculos solares e acessórios como colares, pulseiras, brincos e anéis. Na parte inferior, gavetões acomodam a roupa do marido, o empresário Marcos Joseph El Bacha, e também lenços e peles usadas por Fernanda. “A arrumação dos casacos é que dá mais trabalho”, confidencia Ninha.

Ligada na voltagem 220, a empresária gosta de praticidade (inclusive, carrega itens, como casaco, echarpes e alguns calçados dentro de sua Mercedes). “Também deixo no carro uma necessaire com esmaltes e um chinelo para levar para o salão de beleza”. O hábito por organização se estende para álbuns de viagens (são vários, inclusive o de Bordeaux, roteiro que fez junto com o marido e casais amigos em maio deste ano) e até a criação de um banco de imagens (quase 1600) no smartphone. “Salvo imagens e informação de penteados, de produtos e até de como dobrar guardanapos”, acrescenta Fernanda, que se diz seguidora da top blogueira Olivia Palermo.

 

Em busca do closet perfeito

 

A empresária se define como clássica para ir trabalhar e abusa de jeans, sapatilhas e slippers.“Durmo por volta de meia-noite e acordo muito cedo, às 6h. Imagina se tenho tempo de ir trabalhar como madame?”, argumenta em tom de brincadeira e emenda: “meu tempo livre é para ginástica e para curtir meus filhos Manu, de 6 anos, e Joseph, de 2 anos, (além, é claro, do maridão).

 

Em busca do closet perfeito