A empresária Carla Cristina Costa Salomão, 44 anos, o nome por trás da badalada marca Regina Salomão, retornou de seu último roteiro Paris/ Londres repensando valores e consumo. “Observo que as pessoas estão mudando em vários aspectos. O hábito de consumo não é o mesmo. Em momentos de crise a gente fica mais consciente. Preciso mesmo comprar isso?”, questiona Cris (apelido de amigos e familiares) que não tem medo de mudanças.

Prova disso é o estilo que adotou há pouco tempo. Alta, bonita e curvilínea, a empresária deixou para trás looks básicos e passou a usar roupa colorida, estampada e experimentar peças que não tinha no closet, como por exemplo, a pantcourt. “Até um tempo atrás, era muito básica. Vestia calça e blusa justa branca e só. Hoje sou louca por novidades, por tudo o que é diferente e chama a atenção. Estou sempre usando uma coleção à frente da que está na loja”, diz, se referindo às peças da Regina Salomão que compõem 85% do seu closet. “Não sou clássica. Visual todo bege e todo cinza não combina comigo”, emenda a empresária que tem como sonho de consumo viajar e viajar. “A experiência que você vive conhecendo lugares novos é mágica”.

A maior influência para a mudança de visual da empresária é a filha Júlia, de 17 anos, que abriu os olhos de Cris para novas possibilidades. “Antes ela (Júlia) torcia o nariz para minhas roupas, hoje me influencia bastante e compartilhamos peças”. Apaixonada por calçados, Cris compra o acessório sem se importar se o mesmo é de grife. “Vale quanto pesa”, brinca, mostrando a última aquisição, uma sandália gladiadora que se estende pela panturrilha como uma bota.

APOSTAS

Vestidos lady like (aqueles com saia godê e cintura marcada) e blusa cropped quadrada e curta, mas sem deixar a barriga aparecer, estão no leque de apostas da empresária para o verão 2016 da Regina Salomão. Cris investe também na versatilidade do macacão e da pantcourt, para delírio das clientes.

“Não estou preocupada com as quedas das vendas, mas no que a cliente aspira. Quero que a mulher que usa Regina Salomão se olhe no espelho e se veja segura e bonita”, diz a empresária que trabalha 14 horas por dia e, nos momentos de criação de coleção, se isola no escritório de casa, na Vila da Serra, em Nova Lima, onde gosta de admirar a linda vista e ficar em paz.

Sem medo de se arriscar, Cris sempre se valeu de muito trabalho para garantir o sucesso da marca Regina Salomão, que tem mais de 20 anos de estrada, linda loja em Lourdes, fábrica no Prado, showroom de quatro andares no Gutierrez, dois outros em São Paulo (Brás e Itaim Bibi) e 500 pontos de venda distribuídos pelo país.