A insatisfação da torcida do Atlético com o interesse do clube no meio Thiago Neves, que se transformou em oferta oficial e em contrato amarrado e quase desembarque do meia de 35 anos em Belo Horizonte, marcando para esta terça-feira (15), ainda ecoa, principalmente nas redes sociais e também no canal do alvinegro no Youtube.

Mesmo com a negociação cancelada entre clube e o ex-jogador do Cruzeiro, os torcedores cobram uma explicação da diretoria por ter ido em busca de uma "persona non grata", já que Neves, em muitas oportunidades, faltou com total respeito à instituição.

Até o momento, o único da cúpula a se pronunciar foi o vice-presidente Lásaro Cândido, por meio do Twitter. Em poucas palavras, o dirigente se mostrou contrário a tudo o que aconteceu e ao aval de Sette Câmara e Alexandre Mattos ao pedido feito pelo técnico Jorge Sampaoli.

"Não escreverei jamais sobre um assunto que não participei! E que não aprovo!", respondeu Lásaro ao ser questionado por um torcedor se citaria em seu livro o fato ocorrido nesta segunda-feira (14).

Durante a diária "Live Galo", vários torcedores usaram a hashtag "#ThiagoNevesNão" e cobraram satisfação de outros membros da diretoria.