Aos moldes do esquema de segurança da Copa do Mundo em Belo Horizonte. Assim o Batalhão de eventos da PM da capital preparou a área do Independência visando o clássico da primeira final da Copa do Brasil entre Atlético x Cruzeiro.
 
Segundo o Coronel Ricardo Machado, comandante do Batalhão, há 610 PM's, entre Cavalaria, Gate e oficiais de eventos. Até o momento, quatro ocorrências envolvendo atleticanos uniformizados com símbolos da Galoucura, algo proibido após os incidentes do dérbi passado.
 
"A PM tinha condições de garantir segurança para torcidas divididas. Em termos de mobilização, é algo parecido com o que foi feito na Copa. Saldo positivo até o momento, com quatro ocorrências envolvendo torcida organizada do Atlético", afirmou Cel. Machado, ao Hoje em Dia.