A equipe feminina de vôlei do Minas Tênis Clube terá novidade nesta sexta-feira (1), quando entra em quadra às 21h30, em Gramado-RS, onde encara o Osasco pela semifinal da copa do Brasil. Além de contar com força máxima em quadra, o time mineiro estreará o "novo nome", que usarará até o final do ano que vem: a partir de agora, passa a se chamar "Itambé/Minas.

Nesta quinta-feira (31), a diretoria minas-tenista fechou parceria no marketing esportivo com uma das maiores empresas nacionais do setor lácteo, contemplando o patrocínio à equipe comandada pelo técnico Stefano Lazarini.

Não é a primeira vez que a Itambé firma uma parceria com o Minas. De 2005 a 2008 a empresa deteve os naming rights do Parque Aquático de competição do clube, na Unidade I – o Parque Aquático Itambé. Além disso, na temporada 2013/2014 a Itambé também apoiou a equipe de vôlei feminino.

"Estamos muito satisfeitos com o retorno da Itambé como parceira do Minas. E agora de forma mais marcante, patrocinando nossa equipe de vôlei feminino, que é campeã sul-americana, vice-campeã mundial e uma das favoritas ao título nacional desta temporada. Acreditamos que essa parceria trará muitas alegrias ao torcedor. E, além disso, a Itambé terá sua marca projetada de forma muito positiva, por meio do esporte, em todo o Brasil", comenta o presidente do Minas, Ricardo Vieira Santiago.

Para Roosevelt Junior, superintendente de Operações da Itambé, a parceria com o Minas é de extrema importância para endossar o apoio ao esporte.

"Acreditamos que o esporte é um dos principais pilares de desenvolvimento, saúde e superação. Desde 2017 a Itambé vem investindo em iniciativas que incentivam a busca por uma vida mais saudável. Exemplo disso foi o lançamento da linha de produtos com alta concentração de proteína, a Itambé Pro, e o reforço com ações voltadas para esse público, como o investimento em corridas de rua em todo o Brasil, além do patrocínio ao tenista mineiro Marcelo Melo",  diz o superintendente. "

"A parceria com o Minas vem para fortalecer esse propósito, pois é um clube que, assim como a Itambé, acredita muito nas pessoas e no desenvolvimento por meio do esporte", acrescenta.

Fundada em 1949, a Itambé é uma das maiores empresas de laticínios do país, com produção de três milhões de litros de leite por dia, mais de 3.800 funcionários diretos, cinco fábricas, mais de cinco mil fornecedores e conta com um portfólio de mais de 160 produtos.

Itambé/Minas na Copa Brasil

A equipe Itambé/Minas enfrenta o Osasco/Audax nesta sexta-feira (1º/2), às 21h30, no ginásio do Perinão, em Gramado/RS, em partida válida pela semifinal da Copa Brasil.  Se vencer, vai à final da competição, no sábado (2/2), contra o ganhador de Dentil/Praia Clube e Sesi Vôlei Bauru, que fazem o primeiro jogo da semifinal, também na sexta-feira, às 19h30. As partidas terão transmissão ao vivo do Sportv.

A Copa Brasil reuniu os oito melhores colocados do primeiro turno da Superliga Feminina Cimed. Em cruzamento olímpico (1º x 8º e, assim, sucessivamente), as equipes se enfrentaram em jogo único, na casa dos quatro primeiros colocados. Vice-líder do turno da Superliga, o Minas recebeu, na Arena Urbano Brochado Santiago, no CTJK, em Belo Horizonte, o Fluminense (sétimo colocado) e venceu o confronto por 3 sets a 1. O resultado deu ao time minastenista a vaga na semifnal. A equipe de Osasco eliminou o Hinode/Barueri pelo mesmo placar.

Copa Brasil 2019

Semifinais
1/2 – Sexta-feira
19h30 – Dentil/Praia Clube x Sesi Bauru Vôlei – Gramado (RS) - Sportv
21h30 – Minas x Osasco/Audax – Gramado (RS) – Sportv

Final
2/2 – sábado
21h30 – Vencedor semifinal 1 x vencedor semifinal 2 – Gramado (RS) – Sportv

* Com Minas TC