LONDRES - A Alemanha deu mais um passo rumo à classificação ao derrotar a Escócia fora de casa por 3 a 2, a quinta vitória seguida dos atuais campeões do mundo, que se consolidam na liderança do Grupo D das eliminatórias para a Euro-2016, mas ainda não garantiram a vaga.

Com a vitória, os comandados de Joachim Low mantém a liderança da chave com dois pontos a mais que a Polônia (19 contra 17), que goleou nesta segunda-feira a modestíssima seleção de Gibraltar por 8 a 1, com direito a dois gols do craque Robert Lewandowski.

Já os escoceses, que perderam na semana passada para a Geórgia (1-0), continuam caindo na tabela e se encontram agora a quatro pontos do terceiro lugar, que vale uma vaga na repescagem e é atualmente ocupado pela Irlanda (15 contra 11 pontos).

A vitória dos campeões do mundo deveria ter sido mais tranquila e começou a ser desenhada no primeiro tempo com os dois gols de Thomas Müller, aos 18 e 34 minutos de jogo. O atacante do Bayern de Munique, maior estrela da 'Mannschaft', tem agora oito
gols nas eliminatórias.

Os alemães, porém, voltaram a mostrar uma fragilidade defensiva na bola aérea e viram a escócia empatar ainda na primeira etapa, primeiro com um gol contra de Hummels, aos 28, e em seguida com McArthur, aos 43.

Dominados em casa, o empate em 2 a 2 no intervalo não deixava de ser surpreendente para a Escócia, para festa da barulhenta torcida local.
Müller teve que voltar a fazer a diferença para garantir os três pontos para a Alemanha, dando um ótimo passe para Gundogam balançar as redes, aos 9 minutos do segundo tempo.

Desta vez, o gol alemão não encontrou resposta da Escócia, que sofreu para segurar o ataque formado por Götze, Ozil e Müller.
Apesar da vitória e da liderança, a Alemanha terá que manter a concentração para garantir de vez a classificação a Euro-2016. Nas últimas duas rodadas, os adversários serão Irlanda e Geórgia.