Uma rara semana inteira para recuperar os atletas e preparar o próximo desafio com toda a atenção necessária. Importante para seguir firme no objetivo de garantir o acesso à Série A, privilégio dos quatro primeiros colocados na Série B.

Antes de entrar em campo diante da Ponte Preta (sábado às 19h, no Independência), a programação americana é de muito trabalho e treinos e, como não custa secar os principais rivais, olhos atentos à Arena Pantanal, em Cuiabá.

No estádio que recebeu jogos da Copa do Mundo de 2014, Cuiabá e Coritiba fazem jogo adiado da 24ª rodada da competição (na data original, o gramado não oferecia condições mínimas para receber a partida).

E ainda que o time da casa some 40 pontos e nutra esperanças matemáticas de lutar pela classificação inédita, o melhor resultado virá com três pontos na conta dos mato-grossenses. O que manteria os paranaenses com os mesmos 48 pontos do Coelho. E dependendo do placar (derrota por três ou mais gols de diferença), inverteria as posições na classificação, levando os mineiros de volta ao G-4 sem sequer entrar em campo.

AMESEG

Digite aqui a legenda

Contrato renovado
Depois do domingo de folga, os jogadores americanos se reapresentaram ontem no CT Lanna Drumond, com exercícios físicos e trabalho de troca de passes em espaços reduzidas. Hoje o grupo volta a trabalhar pela manhã.

A diretoria do clube confirmou a renovação de contrato de mais um atleta para 2020. Depois de prorrogar o vínculo com o goleiro Airton e o lateral direito Leandro Silva, é a vez do lateral esquerdo João Paulo acertar a permanência até o fim do próximo ano.

“A minha felicidade é imensa. Quando cheguei aqui, me disseram que era um clube muito família, que abraça todo mundo. E não foi diferente comigo, me sinto muito em casa. Espero que possamos colher bons frutos no fim de 2019 e, para o próximo ano, espero ajudar o América a crescer ainda mais”, comentou o jogador, que se recupera de uma lesão na coxa esquerda.