Melhores times do returno do Campeonato Brasileiro da Série B, Guarani e América fazem, neste sábado (2), às 21h, no estádio Brinco de Ouro da Princesa, um dos duelos mais esperados da 32ª rodada do torneio.

Além da expectativa de um bom jogo, já que ambos estão em ascensão na competição, o confronto vai marcar o reencontro de Felipe Conceição, atual técnico do Bugre, com o Coelho, equipe que dirigiu até o início da temporada.

No final de janeiro do ano passado, Conceição aceitou uma proposta do Red Bull Bragantino, recém-promovido à Série A, e encerrou uma passagem curta, mas de bons resultados no Alviverde.

Então coordenador técnico do clube, Felipe foi  deslocado para o cargo de treinador do time principal em julho de 2019, em um momento em que o Coelho vivia péssimo momento na Série B, ocupando, inclusive, a zona de rebaixamento do campeonato por várias rodadas.

Com uma grande arrancada, o comandante não só livrou o Coelho de qualquer risco de queda à Série C, mas também quase levou o América à elite do futebol brasileiro.

Uma inesperada derrota para o já rebaixado São Bento, na última rodada, no Independência, custou o acesso.

Mesmo após a frustração, Conceição encerrou 2019 com boas perspectivas para o ano seguinte.

Entretanto, a saída para o Bragantino ocorreu após o Coelho disputar apenas uma partida na temporada.

Felipe comandou o América em 30 jogos, obtendo 16 vitórias, nove empates e cinco derrotas, o que gerou um aproveitamento de 63,3% dos pontos disputados.

Lisca e reconhecimento  

Apesar da saída repentina, que gerou uma certa apreensão no Coelho de início, a saída de Conceição foi rapidamente suprida no Alviverde.

Sob o comando de Lica, escolhido para assumir o time, o América faz grande temporada.

Além do iminente acesso à Série A, o Coelho fez campanha história na Copa do Brasil, chegando pela primeira vez à semifinal da competição.

Antes, já havia feito um Campeonato Mineiro consistente, terminando a fase de classificação invicto, sendo eliminado na semifinal para o Atlético, após dois duelos equilibrados.

Mesmo em evidência pelo expressivo trabalho no América, Lisca fez questão de citar, em diversas oportunidades em 2020, o bom trabalho deixado por Felipe Conceição no América.

Nova arrancada

Com roteiro similar ao de 2019, Conceição vem conduzindo o Guarani a uma arrancada na Série B.

Quando assumiu o time campineiro em outubro, após ser demitido do Bragantino, o Guarani ocupava a parte inferior da tabela, flertando com a zona de rebaixamento.

Com grande recuperação, o Bugre - líder do returno, com 26 pontos - assumiu a sexta colocação, a quatro pontos do Cuiabá, quarto colocado.

O Coelho, por sua vez, é segundo melhor time do segundo turno, com um ponto a menos do que o Guarani.

Com 60 pontos, busca o triunfo em Campinas para dar mais um passo rumo ao acesso, e se manter na cola da líder Chapecoense, que tem dois pontos a mais do que o Alviverde na Classificação.