O América oficializou, na tarde desta quarta-feira (28), a décima contratação da temporada. Trata-se do lateral-esquerdo Marlon, que chega por empréstimo junto ao Sampaio Corrêa-MA, até maio de 2022.

Aos 27 anos, o jogador chega para compor um setor que também conta com o experiente João Paulo, atualmente o titular da posição, e os jovens Lucas Luan e Vitor Hugo. Na temporada passada, Marlon atuou em 21 jogos pelo time maranhense na Série B, e fez parte do grupo que conquistou o campeonato estadual. O último de jogo do jogador foi em 18 de abril, quando o Bolívia Querida perdeu por 3 a 0 para o Ceará, nas quartas de final da Copa do Nordeste.

Como o regulamento do Campeonato Mineiro autoriza que novos contratos sejam registrados ao longo do torneio, sem data limite para tanto, o lateral poderá ser inscrito para a semifinal da competição.

Segundo colocado na fase de classificação, com 22 pontos, o Alviverde enfrenta o Cruzeiro neste domingo (2), às 16h, no Mineirão, no primeiro jogo da semi do Estadual. 

Entretanto, ele não vai poder defender o América na Copa do Brasil, pelo fato de já ter entrado em campo pelo time maranhense na competição.

Antes de Marlon, chegaram ao CT Lanna Drumond o zagueiro Ricardo Silva, o lateral-direito Eduardo, o volante Juninho Valoura, os meias Ramon e Bruno Nazário, e os atacantes Ribamar, Luiz Fernando, Leandro Carvalho e Yan Sasse. 

Ficha do jogador

Nome completo: Marlon Matheus Lopes do Nascimento

Data de nascimento: 13/2/1994

Local de nascimento: Angra dos Reis (RJ)

Clubes: Bonsucesso-RJ (até 2014), Ituano-SP (2014), Luverdense-MT (2016 a 2017), América-RJ (2015 a 2016; 2017 a 2018), Cabofriense-RJ (2019), Portuguesa-RJ (2019), Madureira-RJ (2020) e Sampaio Corrêa-MA (2020 a 2021).

Principais títulos: Copa Verde (2017), Campeonato Maranhense (2020), Campeonato Carioca – Série B (2015 e 2018).

Leia Mais:
Cruzeiro tem a volta de Sóbis, mas segue alerta com mais de meio time de pendurados para a semifinal
Principal rival do Atlético no Grupo H, Cerro Porteño encerra 2ª rodada recebendo o La Gauira
Bom rendimento como centroavante aumenta opções de Cuca e pode dar 'nova vida' a Hulk no Atlético